quinta-feira, 23 de maio de 2013

A Diplomacia do Cutelo


Esta é foto de um dos terroristas que ontem assassinaram um cidadão no Reino Unido. Fizeram questão de ser filmados e fotografados.

Escreve um leitor do Público:

Não foi Newton que há já vários séculos descobriu a lei da acção-reacção? A culpa é sempre de quem insiste em começar as agressões. E nisso há alguns países ocidentais que são exímios, e toda a gente já sabe quem eles são. Lamentável "avanço" da humanidade no sentido de espalhar a barbárie, e de levar a todo o custo a agressão e a guerra aos países dos outros, que obviamente mais tarde levarão a guerra também aos países que a iniciaram. Lamentável "desenvolvimento" mental desta gente que tem dominado o nosso mundo, e feito dele aquilo que todos podem agora ver com os seus próprios olhos. Lamentável, e previsível, meus senhores!!!

Depois de ler este comentário quase me arrependo de ter designado como terrorista o simpático diplomata que aparece de cutelo ensanguentado em punho...

E escreve outro, para quem a culpa da decapitação não é do decapitado, mas de quem o decapitou com um cutelo:

Este é o resultado do multicuturalismo e da islamização da europa. DECAPITAÇÃO no coração da europa civilizada, particada por muçulmanos, o resultado de 30 anos de politicas das esquerdas, aliados do muçulmanos. Ventos de guerra sopram na europa, a história recente vai-se repetir. Novamente vão morrer inocentes para que a democracia e a paz reina na europa, novamente uma guerra pela responsabilidade da esquerda. 

Mais pormenores aqui.

«Nova análise do Censo 2011 no Reino Unido revela que, descontados os imigrantes da Europa de Leste, diminuíram 15% em dez anos os cidadãos identificados com as confissões cristãs. 

 Ao mesmo tempo aumentaram 75% os que se afirmam islâmicos. Um em dez com menos de 25 anos é islâmico e 25% dos cristãos têm mais de 65 anos.»

Daqui.

CUIDADO; IMAGENS CHOCANTES:

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.