terça-feira, 7 de maio de 2013

A Bandeira de Israel




A bandeira do Estado de Israel foi em grande parte o projeto de David Wolfsohn, que sucedeu a Theodor Herzl, como presidente da Organização Sionista Mundial, um movimento que procurava estabelecer um lar para o povo judeu em Israel, ao abrigo do Direito Internacional. A bandeira foi introduzida em 1891 como um símbolo do movimento sionista. Wolfsohn queria criar uma bandeira que capturasse a essência dos problemas enfrentados pelo movimento sionista e pelos judeus nas décadas antes de o Estado judaico ter sido refundado, em 1948.

Ele decidiu espelhar o desenho tradicional do talit, o xale de oração judaico, representado por duas barras azuis sobre um fundo branco. Colocar a Estrela de David entre as barras azuis completou o simbolismo do povo judeu e da sua luta pela identidade nacional. A bandeira que Wolfsohn projetou foi exibida pela primeira vez em Basiléia, Suíça, em 1897, no Primeiro Congresso Sionista, e foi oficialmente adoptada como símbolo do Estado de Israel em 1948.


(Gostos não se discutem, mas na nossa opinião pessoalíssima, esta é uma das bandeiras mais bonitas do mundo, a que se poderiam juntar por exemplo as da Arábia Saudita e da Suíça).

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.