quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Indian Sunset

Supremo Tribunal da Índia volta a criminalizar a homossexualidade - Público


  

Regozijo nas ruas com a nova legislação anti homossexualidade


O jornal Público afirma que "um grupo de movimentos políticos, sociais e religiosos (muçulmanos e cristãos) tinha pedido ao Supremo para reverter a decisão de Nova Deli". O que nos causa certa estranheza, pois toda a Imprensa internacional que consultámos afirma o contrário. Por exemplo o site pró-islâmico OnIslam:

Nova Deli - Os muçulmanos indianos acolheram com satisfação a decisão do Supremo Tribunal  de criminalizar a homossexualidade, vendo-a como um passo para "preservar as tradições e a cultura" da Índia.

"O Supremo Tribunal emitiu este veredicto para manter a cultura deste país", disse Zafaryab Jilan, representante dos muçulmanos da Índia, ao Business Standard, esta quarta-feira, 11 de Dezembro.

"Nós não podemos fazer a Lei com base em algumas pessoas. A homossexualidade não é só contra os princípios
da comunidade muçulmana, mas também contra os hindus e cristãos. A homossexualidade é um crime, e, portanto, deve continuar a ser uma ofensa.Os julgamentos são bem-vindos."
 (...)

Qualquer pesquisa no youtube sobre Islão e homossexualidade mostrará, por exemplo, as execuções sumárias de homossexuais, por exemplo no Irão. Ainda assim, há pessoas homossexuais e muçulmanas que lutam contra este atentado aos direitos humanos -  a associação GayMuslimMan, por exemplo.

Teme-se que, com 50 milhões de muçulmanos na Europa, estas leis não estejam muito longe de cá chegar. No Reino Unido, por exemplo, os muçulmanos já pedem abertamente a execução de homossexuais:

  

Na Bulgária,os jihadistas e os respectivos clérigos islâmicos já avisaram o «sodomita» Elton John de que, caso se atreva a visitar o país, encontrará «algumas surpresas».

Entramos paulatinamente numa nova Idade das Trevas. E já temos banda sonora. Sir Elton...

1 comentário:

  1. E os activistas do custome não vêm protestar ferozmente contra isto?

    (Não, não vêem. Só estão interessados em chatear quem lhes convém chatear...)

    EJSantos

    ResponderEliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.