sexta-feira, 14 de junho de 2013

EDL x Loonie lefties



Neste programa da BBC, Tommy Robinson, da English Defence League, recebe o tratamento que os media mainstream reservam para aqueles que mais odeiam: os adversários da jihad e do supremacismo islâmico. A assistência está completamente contra Robinson, que é insultado, vilipendiado, ofendido e acusado - e ninguém cconsegue responder à sua pergunta continuamente repetida: "O que é que eu disse que seja 'racista'?"

Este é o "jornalismo" hoje no Ocidente. E a opinião pública que ele forma, à imagem deste painel, que faz um julgamento de tipo estalinista e exara a devida condenação contra uma pessoa que se limitou a apresentar FACTOS.

Via Jihadwatch

A teoria dos hipsters loonie lefties na assistência é que a jihad são "apenas incidentes isolados". "Esquecem-se" de que a jihad mata mais num ano do que a Inquisição matou em 350. E só falamos de mortes. Para a contabilidade possível de mortes; suicídios bombistas; execuções de homossexuais, mulheres supostamente adúlteras e infiéis; "casamentos" de homens adultos com meninas tão novas quanto 3 anos; perseguições; tortura; etc., etc., etc., visite s.f.f.:


É gente para ver um documentário como este e chamar-lhe «racismo»:

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.