segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Egipto: lista de ataques a instituições cristãs

Hoje foram mais 24 polícias (pelo menos) assassinados pela pacífica Irmandade Muçulmana no Egipto.

Aqui no Ocidente a elite bem-pensante "não gosta de polícias". E ainda menos de padres e freiras. O número de cristãos mortos, feridos e raptados ainda é incerto. Mas das instituições atacadas há lista provisória.

A fonte é a Igreja católica egípcia, que se arrisca a ser acusada de prejudicar o diálogo inter religioso (como é costume da parte de quem nós sabemos).

Igreja em Minya: antes e depois dos ataques dos islamistas. Pela 1ª vez em 1600 anos não houve missa a um domingo!

33 milhões de egípcios manifestaram-se a exigir a demissão de Morsi e da Irmandade Muçulmana, mas são os cristãos os bodes expiatórios.

A lista foi divulgada pelo Asia News, 17 de Agosto:

Cairo (AsiaNews) - Pelo menos 58 igrejas, escolas, instituições, casas e lojas cristãs foram saqueadas e incendiadas no Egipto nos últimos três dias pela Irmandade Muçulmana e apoiantes de Morsi.(...)

Igrejas e conventos católicos:

1. Igreja e Escola Franciscana - incendiadas (Suez)
2. Mosteiro e Hospital do Bom Pastor - incendiados (Suez)
3. Igreja e Mosteiro do Bom Pastor - incendiados com cocktails molotov (Asuit)
4. Igreja Católica Copta de S. Jorge - queimada (Minya)
5. Igreja dos Jesuítas - queimada (Minya, Upper Egypt)
6. Basílica de Fátima  - atacada - Heliopolis
7. Igreja Católica Copta de S. Marcos - queimada (Minya)
8. Convento Franciscano das Irmãs do Imaculado Coração de Maria - queimado (Beni Suef)
9. Igreja de Santa Teresa - queimada (Asuit)
10. Igreja e Escola Franciscana - queimada (Asuit)
11. Convento de S. José e escola - queimados (Minya)
12. Escola Católica Copta do Sagrado Coração - queimada (Minya)
13 Convento das Irmãs de Santa Maria - atacado (Cairo)
14. Escola do Bom Pastor - atacada (Minya)

Igrejas Ortodoxas e Evangélicas

1. Igreja Anglicana de S. Salvador - queimada (Suez)
2. Igreja Evangélica de S. Miguel - cercada e saqueada (Asuit)
3. Igreja Ortodoxa Copta de S. Jorge - queimada (Minya)
4. Igreja de Al-Esla - queimada (Asuit)
5. Adventist Church - queimada, o pastor e a Esposa raptados (Asuit)
6. Igreja dos Apóstolos - queimada (Asuit)
7. Igreja da Nova Aliança  - queimada (Asuit)
8. Centro Diocesano Copta Ortodoxo Qusiya - queimado (Asuit)
9. Igreja de S. Jorge - queimada (Arish)
10.  Igreja de S. Jorge de al-Wasta - queimada (Beni Suef)
11. Igreja da Virgem Maria - atacada (Maadi, Cairo)
12. Igreja da Virgem Maria - atacada (Mostorod, Cairo)
13. Igreja Ortodoxa Copta de S. Jorge - atacada (Helwan, Cairo)
14. Igreja de Santa Maria em  El Naziah - queimada (Fayoum)
15. Igreja de Santa Damiana - saqueada e queimada (Fayoum)
16. Igreja de S. Teodoro - queimada (Fayoum, Upper Egypt)
17. Igreja Evangélica de al-Zorby - saqueada e destruída (Fayoum)
18. Igreja de São José - queimada (Fayoum)
19. Escola Franciscana - queimada (Fayoum)
20. Centro Diocesano Copta Ortodoxo de São Paulo - queimado (Gharbiya)
21. Igreja Copta Ortodoxa de Santo António - queimada (Giza)
22. Igreja Copta de São Jorge - queimada (Atfeeh, Giza)
23. Igreja da Virgem Maria e Pai Abraão - queimada (Delga, Deir Mawas, Minya)
24. Igreja de Santa Mina Abu Hilal Kebly - queimada (Minya)
25. Igreja Baptista em Beni Mazar - queimada (Minya)
26. Igreja de Amir Tawadros - queimada (Minya)
27. Igreja Evangélica - queimada (Minya)
28. Igreja de Anba Moussa al-Aswad - queimada e totalmente calcinada (Minya)
29. Igreja dos Apóstolos - queimada (Minya)
30. Igreja de Santa Maria - tentativa de incêndio (Qena)
31. Igreja Copta de São Jorge - queimada (Sohag)
32. Igreja de Santa Damiana - atacados e queimados (Sohag)
33. Igreja da Virgem Maria - queimada (Sohag)
34. Igreja de São Marcos e centro comunitário - queimada (Sohag)
35. Igreja de Anba Abrão - destruída e queimada (Sohag)

Instituições cristãs

1. Casa do Padre Angelos (pastor da igreja da Virgem Maria e Pai Abraão) - queimada (Minya)
2. Propriedades e lojas de cristãos - queimadas (Arish, norte Egito)
3. 17 casas de cristãos atacadas e saqueadas (Minya, no Alto Egito)
4. Lares cristãos - Anexar (Asuit, Alto Egito)
5. Escritórios da Fundação Evangélica - queimados (Minya, no Alto Egito)
6. Lojas, farmácias e hotéis pertencentes a cristãos - atacarados e saqueaados (Luxor, no Alto Egito)
7. Biblioteca da Sociedade Bíblica - queimada (Cairo)
8. Sociedade Bíblica - queimada (Fayoum, Alto Egito)
9. Sociedade Bíblica - queimada (Asuit, Norte Egito).


- O comentário típico do bem-pensante ocidental é "Bah!... Religiões! São o ópio do povo!...". Igualando os agressores e as vítimas (já que perante a evidência não pode inocentar os agressores, como é hábito.

- Gente arriscou a vida para nos fazer chegar imagens como estas, da destruição de uma igreja copta. Essa gente aguarda ansiosamente o auxílio do Mundo.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.