domingo, 4 de março de 2018

Adivinhe quem foram os autores da "explosão" de Leicester...

Na passado domingo registou-se uma violenta explosão seguida de incêndio na cidade de Leicester, Reino Unido. Como hoje existe a Internet, e para calarem de imediato a suposição óbvia, as televisões apressaram-se a dar a notícia, martelando sem cessar que "não se tratou de um ataque terrorista".
É política OFICIAL da União Europeia usar os jornalistas na islamização do nosso Continente, como já demonstrámos, com documentos oficiais.
Entretanto, confirmou-se o óbvio, mas não vai ter destaque na televisão, nem vai ser citada em qualquer notícia a causa de mais este ataque terrorista: o Islão e a islamização e substituição populacional programadas pela União Europeia - ver EURISLAM.


Reino Unido: três muçulmanos foram acusados de homicídio culposo e incêndio provocado por uma explosão num supermercado em Leicester

Aram Kurd, 33, de Leicester, Hawkar Hassan, 32, de Coventry e Arkan Ali, 37, de Oldham, foram acusados de cinco acusações de homicídio culposo e incêndio criminoso, que deixou 5 mortos e vários feridos.


O proprietário da loja Aram Kurd.

Daily Mail: Dois outros homens, ambos da East Anglia e que foram presos ontem, permanecem sob custódia policial e continuam a ser questionados por detectives.
O supermercado polaco Zabka na Hinckley Road em Leicester explodiu no domingo 25 de Fevereiro. Cinco pessoas morreram depois de uma enorme bola de fogo ter engolido o supermercado e os apartamentos acima, fazendo com que todo o edifício colapsasse como uma "panqueca".

Um homem vem de East Anglia, o segundo do Noroeste do país e o terceiro das East Midlands. Todos os três estão sob custódia durante o fim de semana e aparecerão perante os magistrados de Leicester esta segunda-feira.
Kurd é o lojista cujas instalações foram destruídas na explosão. A Polícia disse que foram detidos por suspeita de conspiração para causar uma explosão e por infracções ao Código Penal.
As imagens da explosão foram capturadas pelas câmaras de segurança, mostrando que os destroços foram projectados por sob a estrada até ao passeio oposto.

Por favor note que este ataque é uma gota de água num oceano de crime e terrorismo. Escolhemos este como poderíamos ter escolhido tantos outros, todos os dias. Como as estatísticas demonstram, a percentagem de colonos invasores maometanos envolvidos em crime e terrorismo é avassaladora. Mas dizer a verdade é hoje em dia considerado crime de ódio e racismo.
Este post tem como fonte o site BARE NAKED ISLAM, que aconselhamos vivamente:

http://barenakedislam.com/

Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários estão desactivados. As nossas desculpas.

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.