sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Síria: o Mundo Anestesiado!


Muçulmanos são grossa fatia dos actuais habitantes da França, e... da base eleitoral de Hollande

Decisão de Washington será tomada na defesa dos interesses americanos, diz a Casa Branca, depois de o Parlamento britânico rejeitar a proposta de acção militar de Cameron. Hollande confirma empenho francês.
Público

O parlamento Britânico conseguiu  travar um lacaio assumido do processo de islamização global. Não há problema. Avança outro.


O mundo Ocidental parece estar a entrar numa fase de Portugalização. Ou seja: diariamente, as aberrações de certos políticos atingem novos patamares, e a população parece não ter no seu universo mental a capacidade de reagir. Estamos atordoados e sem capacidade de responder ao ultrapassar de todas as linhas vermelhas da indignidade. Não estávamos preparados para isto, como não estávamos preparados para Hitler.



A invasão da Síria está iminente. O pretexto foi um gaseamento, que Obama atribuiu às forças governamentais. Agora vejamos:

- Um membro da ONU explicou que são os rebeldes que usam o tenebroso gás sarin, e não o Governo.  

- Gente inocente anda a morrer na Síria há dois anos por diversos processos, não apenas com o gás sarin.

- Os media convencionais não mostram, mas as atrocidades que têm sido reportadas são-no invariavelmente dos alegados «rebeldes». 

- Só nos Estados Unidos, cerca de 80% dos americanos NÃO CONCORDAM com a invasão da Síria.

- Os «rebeldes» da Síria são TERRORISTAS IRAQUIANOS DA Al-QAEDA. São esses que Obama e Hollande vão apoiar! Os que em 2001 declararam guerra santa ao Ocidente. Os que o Ocidente anda a tentar conter desde 1001.


 Muçulmanos celebram em Lyon a eleição de Hollande. Eles lá sabem porquê.


Temos pena de não poder incorporar legendas, mas este vídeo explica o que se passa na Síria e os media não mostram. Os «rebeldes» sírios são terroristas que exigem a Sharia e um regime teocrático na Síria. Aos 5 minutos do vídeo, após a tomada de mais uma cidade pelos «rebeldes», celebra-se o 11 de Setembro e o colapso iminente do Ocidente às mãos dos islamistas:


Neste post comentámos a situação na Síria, onde continua a chacina de muçulmanos de várias orientações religiosas, alauítas, cristãos e judeus, e mostrámos alguns dentre as centenas largas de vídeos disponíveis no youtube com as atrocidades cometidas pelos terroristas ditos «rebeldes».

A escolha - desgraçadamente - é enorme.  Ficou famoso o vídeo do terrorista islâmico a canibalizar o adversário morto (a BBC glorificou o canibal, aliás). Mas vídeos como os dos sacerdotes cristãos a serem decapitados, ou dos camionistas a serem abatidos por não pertencerem à seita islâmica "certa", não passam. Como não vai passar este, chegado hoje, de terroristas a abaterem crianças por estas apoiarem Assad:




Poderiamos estar aqui o resto do dia a mostrar vídeos das atrocidades dos terroristas que Obama e Hollande vão apoiar. Neste, por exemplo, entraram num autocarro e mataram toda a gente que lá viajava. Depois verificaram as identidades, para verem de havia algum membro das Forças Armadas da Síria. O que mais é preciso para que os cidadãos do Mundo Livre ACORDEM???


Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.