quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

"Violação entre pai e filha é prática comum", diz líder muçulmano

Na sequência de
"Violação entre pai e filha é prática comum", diz líder muçulmano

Índia: "Violação entre pai e filha é prática comum", diz líder muçulmano do Partido Samajwadi 
O líder do partido Samajwaadi, Mohammad Ikbal fez uma declaração brutal e despudorada. O líder político da província do Uttar Pradesh não tem nenhuma vergonha em dizer que o pai pode ter o sexo/estupro com a filha.  
Mohammad Ikbal disse: "Baap aur beti me balaatkaar chaltaa ele rehta hai". 
Mas a notícia não irritou ninguém. Ninguém fez qualquer comentário contra. Achamos essa declaração muito irresponsável de duas maneiras: 
- A declaração diz que é bom um pai ter relações sexuais com as suas filhas. 
- A declaração diz que o estupro é uma coisa boa. E se está bem violar uma filha, então deve estar bem violar outras mulheres. O líder islamista  simplesmente não tem nenhum problema com o crime de ESTUPRO. 
O Irão aprovou uma lei que permite a um pai casar com a sua filha adoptada de 13 anos.  A província indiana do Uttar Pradesh  segue o caminho do Irão ou vai ainda mais longe?
Via TERROR SCOOP 

- Esta é apenas mais uma notícia ao acaso, do site TERROR SCOOP. Em cada site dos da barra lateral (O TERRORISMO GLOBAL) há milhares e milhares de atrocidades islâmicas diárias que duram há 1400 anos. O Nazismo durou apenas alguns anos.


O nosso post anterior está a ser visto por centenas de milhar de pessoas. E no entanto, o estupro de crianças é banal no Islão. 
Alguns compreenderão que a nossa intenção é INFORMAR, já que os jornalistas não o fazem (aliás, os jornalistas já praticamente não existem). Outros, condicionados pela lavagem cerebral politicamente correcta, acham que dizer a VERDADE é "racismo" "intolerância". 
Só no Reino Unido, os simpáticos "migrantes" muçulmanos já estupraram mais de 1 MILHÃO DE CRIANÇAS. A Polícia está de mãos atadas. Os "migrantes" fazem o que querem. 
A senhora Merkel e a oligarquia eurocrática já decidiram que a Europa deve ser alvo de uma substituição populacional, de modo que as nossas mulheres e crianças bem podem pagar o preço da islamização. De qualquer forma, os europeus já vestem saias (os que ainda não mudaram de sexo, que é a nova coqueluche da moda).
Não fuzilem o mensageiro, amigos esquerdistas e islamófilos em geral. Nós apenas referimos FACTOS.


5 comentários:

  1. Tudo indica que o inventor do islamismo, Maomé, era mesmo um grande tarado.

    ResponderEliminar
  2. Para o mundo ocidental é estupro, para eles é sexo normal e consensual. Pra que julgar se a vida é deles?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eles estupram crianças nos países deles (o que é repugnante mas pouco podemos fazer para o evitar) e vêm para cá estuprar as nossas. Veja a nossa secção Jihad Sexual, sff. Aí já podemos e DEVEMOS agir em força.

      Eliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.