segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

MITO 4 - «O Holocausto é o problema da Europa; os palestinos não tiveram nenhum papel nele»



Desmontamos os principais mitos sobre Israel, convidando os leitores a confirmarem as nossas afirmações, e a visitarem o site original que resumiu esta problemática, o «Muro da Verdade».


«O pai do nacionalismo palestinano, Haj Amin Al-Husseini, planeou campos de morte para os judeus no Médio
Oriente. Haj Amin Al-Husseini, era um seguidor devoto de Hitler, passou a guerra em Berlim, recrutou uma legião árabe para a causa nazista e planeou uma "Solução Final" para os judeus do mundo árabe. A Irmandade Muçulmana, que criou o Hamas, o governo de Gaza, traduziu para o árabe o Mein Kampf em 1930 e pediu a destruição do Estado judaico logo no seu nascimento
 

3 comentários:

  1. Tem aqui um artigo interessante:
    http://www.barenakedislam.com/2013/01/18/in-the-20th-century-muslim-jihadists-joined-forces-with-nazis-to-eliminate-the-jewish-problem/

    Ao lado de Hitler lutaram 100000 muçulmanos. A aliança esquerda-Islão é de certo modo natural.

    ResponderEliminar
  2. Obrigado, fica na calha para futura tradução.

    Abraço,

    IB

    ResponderEliminar
  3. Para completar ainda podemos verificar os seguintes fatos:

    1- século III a.C. Gregos que dominaram a judéia.

    2- 19 d.C. Expulsão dos judeus de Roma.

    3- 38 d.C. Alexandria.

    4- 66 d.C. - 73 d.C. Primeira guerra judaico-romana.

    5- 1096 - Primeira cruzada.

    6- 1290 - Expulsão da Inglaterra.

    7- 1478 - Inquisição espanhola.

    8- 1472 - Decreto de Alhambra (judeus expulsos da Espanha).

    9- 1497 - Expulsão de Portugal.

    10 - 1903 - O pogrom de Kishinev.

    11- 1905 - O segundo pogrom. (tiveram muitos outros pogrom em outros locais)

    12 - 1920 - Distúrbios na Palestina.

    E muitos outros que não foram mencionados entre esses 12. Conflitos e expulsões anteriores à segunda guerra incluindo países que os "salvaram" na segunda guerra. O que chama mais atenção são as palavras encontradas como motivo desses conflitos e expulsões: Dinheiro, agiotagem, abastados, ouro, loja.

    Dizem que um tal de abraão viveu 175 anos.
    Dizem que um tal Noé viveu mais 350 anos após o dilúvio.
    Porém, Rei Davi viveu apenas 70 anos.

    A qualidade de vida devia ser muito boa naquela época para se viver 175 anos. Talvez Judas ou Barrabás explique.
    Pelo jeito nunca foi um povo santo.

    ResponderEliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.