domingo, 8 de setembro de 2013

P'ra taqiyya ser segura



P'ra taqiyya ser segura
E atingir profundidade,
Tem que trazer à mistura
Qualquer coisa de verdade. 


António Al Eixo

Rouhani, o Presidente do Irão, desejou bom ano novo aos judeus

- Público
Porreiro! Ainda há pouco tempo o mesmo senhor afirmava que Israel é uma velha ferida que tem de ser removida (tal como o seu predecessor e boa parte dos líderes de todo o mundo islâmico):

Será que o senhor mudou de ideias, que deixou o ódio genocida de lado? Ou será apenas mais caso de taqiyya, a doutrina islâmica que manda mentir para defender o Islão? Os ocidentais que não estejam familiarizados com o pensamento islamista não deixarão de ver sinceridade e boa-fé nos desejos de Hassan Rouhani. Estão condicionados pelo marxismo cultural a ver apenas virtudes no que não é ocidental, e a deplorar e desconfiar de tudo na nossa Civilização.

Para saber mais sobre a taqiyya veja este post, sff..

2 comentários:

  1. Claro que o Al-PÚBLICO-Zawahiri na sua reportagem acerca da vigilia de paz convocada pelo Papa Francisco dá metade do espaço ao islão. De qualquer modo diz: «A comunidade árabe de Itália anunciou a sua participação na vigília da Praça de São Pedro, e fez o seu próprio apelo a uma “oração muçulmana pela paz em todo o Médio Oriente”». Vai um "teste do algodão"? Veremos isto acontecer? Talvez seja melhor esperar sentado, não?

    FS

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. No Egipto tem sido um massacre de cristãos, perseguição, violações, destruição de igrejas, etc.. Na Síria a mesma coisa mas em pior. O Obama joga o seu golfe. O Público joga o seu Islão. E assim vamos indo...

      I.B.

      Eliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.