quarta-feira, 31 de julho de 2013

Europa: Em vários países, muçulmanos incitam à violência após a prisão de uma muçulmana na Holanda

Via AD.nl

Em vários países europeus, muçulmanos protestaram contra a prisão de uma muçulmana em Zoetermeer, na Holanda. Umm Usamah, uma jovem de 19 anos, foi presa há duas semanas (dia 17) por ter tentado recrutar muçulmanos holandeses para combater na guerra civil síria.

No sábado passado em Londres um grupo de homens manifestou-se em frente à embaixada holandesa com cartazes onde se podia ler em inglês e holandês "Libertem Umm Usamah" e "Lei sharia para a Holanda".

Na internet apareceram vídeos e panfletos em inglês, francês e holandês acerca do incidente, com incitamento à violência ("Onde está o lobo solitário para vingar a sua irmã?"). Ainda não se sabe ao certo quem está por detrás desta campanha. Ainda no sábado passado no site http://dewarereligie.nl/ (um site holandês dedicado a muçulmanos, literalmente "A Verdadeira Religião") surgiu uma carta aberta ao governo holandês onde se podia ler "O governo holandês sabe que tem telhados de vidro e no entanto atira pedras à comunidade islâmica? Iremos rugir como leões devido à injustiça cometida contra a nossa irmã".

O Coordenador Nacional de Contra-Terrorismo disse estar a seguir os protestos mas afirmou não haver razões para tomar alguma medida.

E qual foi a reação do governo holandês perante os protestos e a ameaça implícita de violência e rapto de cidadãos holandeses em países muçulmanos? Obviamente libertou-a.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.