quinta-feira, 11 de julho de 2013

Balanço dos primeiros 6 meses de 2013: 5635 ataques violentos contra judeus em Israel

Via the algemeiner

De acordo com um relatório não-oficial dos serviços de emergência Israelitas, nos primeiros 6 meses de 2013 foram contabilizados um total de 5635 ataques contra habitantes judeus da Margem Ocidental, Jerusalém e áreas adjacentes. No total, uma pessoa morreu e 171 ficaram feridas, incluindo uma criança de 3 anos em estado muito grave.

Yehudit Tayar, médica e porta-voz da organização Hatzalah (Serviços de Emergência Médica Voluntários) começou a traduzir para inglês e a disseminar estes relatórios à cerca de 2 anos uma vez que as notícias de violência contra os habitantes daquelas áreas não chega a uma grande audiência.

"As pessoas ouvem relatórios minimizados - se é que chegam a ouvir alguma coisa. Temos de dar a conhecer a verdade"

"Se alguém graffitar uma mesquita ou rebentar os pneus a um Árabe aparece nas notícias, mas a violência contra nós é ignorada. Conseguem imaginar serem constantemente atacados e nada ser noticiado?"

1 comentário:

  1. Números que falam por eles mesmos. Os media ocidentais são 100% insensíveis aos ataques contra Judeus - se é que não os festejam.

    E na falta de ataques contra árabes e islamistas, inventam-nos.

    I.B.

    ResponderEliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.