sábado, 26 de julho de 2014

Não douramos poias!

CAPÍTULO I - POIAS PALESTINIANISTAS


 

Apoiante-tipo  da "Palestina" e do terrorismo jihadista.
Ignorante, mal-formado, auto-obcecado, de higiene física e mental mais que duvidosas. Mesmo que soubesse ler em condições, jamais leria este post até ao fim.
Pensa exclusivamente por meio de slogans.

"O melhor revolucionário é o jovem desprovido de qualquer moral".
 Lenine
É desta massa de hippies comunistas de sandálias que é feita a base de apoio do Hamas e da jihad islâmica no Ocidente. É desta massa que são feitos os cretinos que vão para as ruas com os islamistas fazer manifestações e 'pogroms' contra Israel, em todo o mundo. Alguns (sobretudo algumas) até passam por jornalistas...

A propósito; não perca o post:

Porque é que a Esquerda odeia Israel

( Nem toda, mas quase... )


 CAPÍTULO II - POIAS PROPAGANDISTAS


http://paliestine.com/


O movimento terrorista Hamas - branqueado pela Imprensa, pelos comunistas e islamistas, e  pelos Governos Ocidentais (petróleo oblige) - faz uso indiscriminado de fotos de crianças mortas. E diz que foi Israel.

Sites como o palIEStine explicam como é:



Imagem do massacre da família israelita Fogel, usada pelos terroristas do Hamas na sua propaganda.

Outra imagem que tem corrido nas chamadas redes sociais, propagada pelos eternos atrasados mentais antissemitas, é esta:



Esta é uma imagem do filme de terror norte-americano ‘The Final Destination 4′.

Como estes golpes sujos de propaganda, há centenas de milhar por aí a circular! As crianças, sempre as crianças... Que ironia!...


  CAPÍTULO III - POIAS JORNALISTAS


Na Imprensa, propagar aldrabices contra Israel é tão natural como respirar, como adorar Obama como se fosse Deus, ou como ser de esquerda - 'porque a esquerda é que defende os fracos e oprimidos, e quê, 'tás a ver? Atão, vais à Festa do 'Avante!' este ano? Fica-te bem essa túnica, comprasteS em Marrocos?... Tens haxe? FosteS ao Festival Islâmico em Serpa, minha?...

A Imprensa sabe que:
a) o Hamas usa escolas e hospitais como bases terroristas.

b) o Hamas usa as suas crianças como escudos humanos.

c) o Hamas assassina crianças israelitas judias.

d) o Hamas comunica baixas delirantes (com a cumplicidade de ONG's ocidentais de esquerda)

e) Israel é o exército mais moral do Mundo, que poupa vidas (sobretudo civis) mais que qualquer outro.
f) Israel tem TODA a razão neste conflito, e limita-se a defender-se, como qualquer país do Mundo faria.

Mas a Imprensa não tem pejo de usar as crianças como trunfo, na sua cruzada de ódio a Israel - sempre segundo as directivas de propaganda do Hamas.

A Tale of Two Gazas/Uma História de Duas Gazas, explica como funcionam a Gaza miserável da superfície, onde reina a ditadura democraticamente eleita do Hamas, e de onde são lançados os mísseis sobre as crianças israelitas; e a Gaza subterrânea, onde o terrorismo se esconde e guarda os seus arsenais, enquanto obriga o povo a morrer:



 Isto é o Hamas, descrito por um "palestino"! Mas os hippies da esquerda continuam a alucinar...

 CAPÍTULO IV - POIAS TERRORISTAS


Em todo este blog (e muito mais nos sites que temos na barra lateral, e que são apenas uma amostra), os leitores poderão encontrar exemplos da propaganda islamonazi e pró islamista de que falamos.


O nosso estilo é curto e grosso, politicamente incorrecto. Escolhemos ser assim. Não douramos poias! E o Hamas, a jihad islâmica, os clérigos e doutores muçulmanos que apoiam o terrorismo, os esquerdistas e direitistas de simpatias nazis, a Imprensa a la Al-Público, o comunista terrorista muçulmano Barack Hussein Obama, são todos TRAMPA, ESCÓRIA, MALVADEZ!

O que jamais verão nos noticiários da TV e Rádio, ou nos jornais, é a REALIDADE!
Crianças? Querem Crianças? Aqui vão Crianças...
Um exemplo do que a Imprensa jamais mostrará e do que as poias douradas escondem:

"O Hamas matou 160 crianças palestinas para construir os túneis do Terror"



Myer Freimann, Tablet, 25 de Julho 2014

     À medida que o número de mortos da
Operação Protecção Limite aumenta, as mortes de crianças estão no centro das atenções, e com razão. Dói a todas as pessoas razoáveis ​​ouvir que crianças morrem em consequência da guerra.
O Hamas e seus apoiantes exibem imagens horríveis de crianças mortas e feridas, a fim de ganhar a simpatia pelo seu retrato de Israel como o vilão. Em resposta, Israel cita a necessidade de impedir o Hamas de disparar milhares de mísseis contra os seus próprios filhos, que são forçados a viver em abrigos, bem como a necessidade de eliminar os túneis que o Hamas escavou para debaixo de Israel, a fim de realizar ataques terrorista contra israelitas. Uma abertura de túnel foi encontrado debaixo de um jardim de infância israelita.

     Mas quem construiu esses túneis? A resposta é o Hamas, é claro, usando algumas das mesmas crianças que agora estão sob fogo, em Gaza.

     O Instituto de Estudos sobre a Palestina publicou um relatório detalhado sobre os túneis de Gaza no verão de 2012. E informou que a construção dos túneis em Gaza resultou num grande número de mortes de crianças.
         "Pelo menos 160 crianças foram mortas nos túneis, de acordo com autoridades do Hamas"

     O autor, Nicolas Pelham, explica que o Hamas usa crianças trabalhadoras para construir os seus túneis do terror, porque, "como nas minas de carvão vitorianas, elas são valorizadas pelos seus corpos ágeis".

- Tal como usam as suas crianças como bombas humanas. Os soldados do IDF que guardam as fronteiras, sabem como é difícil lidar com os miúdos que vêm a correr com explosivos agarrados ao corpo para se fazerem detonar perto deles.


     Grupos de direitos humanos que operam em Gaza levantaram preocupações sobre o trabalho infantil nos túneis já em 2008. O Hamas respondeu dizendo que estava "a considerar reduzi-lo". 
Após a Operação Chumbo Fundido, em 2009, o Hamas suavizou a sua posição e o Ministério do Interior criou a Comissão de Assuntos dos Túneis (TAC), que: "em resposta à preocupação pública sobre o custo crescente de vítimas dos túneis, particularmente de crianças trabalhadoras ... orientações foram emitidas destinadas a garantir condições de trabalho seguras." Nenhuma menção é feita no relatório das condições que resultariam tanto para palestinos como para israelitas sobre o uso final dos túneis: lançar ataques terroristas.

    O Hamas não prestou muita atenção à segurança dos trabalhadores infantis que usou para construir os túneis que acabam por tirar a vida a muitos em Gaza. Numa excursão aos túneis em 2011, Pelham observou que "nada foi feito para impedir o uso de crianças em túneis".

- Tudo isto é SURREALISTA! Alguém criou comissões de apoio à Al-Qaeda aqui no Mundo Livre??? Estas comissões partem do princípio de que é «normal» assassinar crianças israelitas!

    O Hamas apropria-se indevidamente de grande parte da ajuda humanitária fornecida a Gaza. Foram utilizadas 800.000 toneladas de cimento para a construção dos túneis terroristas contra Israel, que, além de servirem para matar israelitas, também põem directamente  em risco a juventude de Gaza na sua construção e operação.

- Israel dá-lhes os materiais de construção (800.000 toneladas de cimento!!!!!), e eles fazem túneis para matar os israelitas! Os líderes do Hamas são nababos multimilionários. O povo é sustentado por Israel e trabalha como escravo na indústria da morte. O Mundo boceja. Alguns culpam Israel


  CAPÍTULO  V - POIAS  COMUNISTAS



E depois há os palestinianistas comunistas hippies de sandálias mais velhos, mas igualmente imbecis. Tal como os da nova geração, foram as drogas alucinogénicas que formaram as suas opiniões políticas.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.