quarta-feira, 9 de julho de 2014

Jihad Vaginal

A muçulmana "moderada" e estudante universitária Nawal Msaad (nascida e residente em Londres) é tudo isto que se pode ver:


Uma espécie de Jennifer Aniston em versão terrorista

A nossa amiga Nawal tentou apanhar o avião para Istambul. Levava nas cuecas, bem embrulhadinhos em película de celofane, 20 mil eurinhos para entregar ao terrorista islâmico britânico Aine Davis, que foi para a Síria matar "infiéis" e expandir o Califado Mundial.


A Esposa do terrorista Aine Davis, a atraente, virtuosa e pia, senhora dona Amal El-Wahabi (na imagem), entregou mil euros para a Nawal levar ao maridão!

Dentro das cuequinhas da Nawal, para além do dinheirinho que estava embrulhado em película de celofane, havia parte substancial "dentro do seu corpo, enfiado num preservativo". O Daily Mail conta:

"Nawal foi levada para uma divisão privada, onde extraiu rolos de notas de dentro das cuecas, e entregou-as aos agentes. As notas estavam enroladas em película de celofane. Havia mais dinheiro dentro do seu corpo, inserido num preservativo."

Nawal personalizou a pulseira electrónica como podeis ver. Não olhou a gastos.


- Lembra aquela velha anedota, um bocado ordinária e racista - "Se a tua mãezinha fosse viva, nem a carroça levavam" - só que isto, é a realidade. E é o Islão: um gangue.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.