terça-feira, 29 de julho de 2014

Daniel Oliveira - aldrabices de um 'paineleiro' *

* NOTA IMPORTANTE: Para que conste, o termo «paineleiro», no título deste post, refere-se a uma velha chalaça, que vem de há uns anos, quando os participantes de um «painel televisivo», salvo erro de Os Donos da Bola, foram assim designados. Não tem NADA a ver com designações menos simpáticas de pessoas homossexuais, que respeitamos, e que jamais, em circunstância alguma, discriminamos. Ou este blog, que é contra TODAS as discriminações, não faria sentido. Tão-pouco, pelo acima exposto, estamos a insinuar que Daniel Oliveira (notório militante pelos direitos da comunidade LGBT - e nisso estamos com ele; toda a gente é pessoa!), tenha esta, ou aquela, ou nenhuma, orientação sexual.



 Daniel Oliveira, que dispensa apresentações e adjectivos.

Alguém por quem temos grande estima e admiração, apontou mais esta desonestidade desse lamentável despenteado mental que é o Daniel:

"Aquele momento em que o ódio a Israel obriga um conhecido "paineleiro" de opiniões a metro a mentir...."


 
                                               
                                       " ...  é fazer as contas amigo Daniel:"




Cada vez cimentamos mais a opinião de que apoiar o nazismo, o islamismo ou o comunismo, em face das calamidades que as três seitas produzem, não é opinião ou ideologia: é doença mental.

Quanto às 'paineleiragens', só se nos amarrassem a uma cadeira é que assistiríamos àquele 'painel' medonho de 'O Eixo do Mal'. Tirando o escritor Nuno Artur Silva, que ainda não percebemos o que faz ali, o mínimo que podemos dizer é que se trata da versão de terror de 'A Noite da Má Língua'.

Ainda demos o benefício da dúvida ao programa, como bons cristãos que tentamos ser. Entre outras demonstrações de estupidez, o caso escabroso do pseudo-artista torturador de animais Guillermo Habacuc Vargas, serviu de mote a uma estúpida sessão de galhofa, a armar aos cágados intelectuais. E ficámos conversados.

Mas como  este Daniel Oliveira há muitos outros opinadeiros e jornaleiros, que estão a trabalhar dia e noite pela extinção de Israel e por um novo Holocausto na Europa.

2 comentários:

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.