sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Obama "ainda não tem estratégia" para o ISIS...


  Em que estado estará o Mundo no final do mandato desta criatura?

"Um raro momento de franqueza. Não só ele "ainda não tem uma estratégia", como não tem a coragem de chamar à ameaça o que ela realmente é, ou de reconhecer que a acção do Estado Islâmico (ISIS) tem raízes profundas na teologia e na lei islâmica.  

Não há nenhuma maneira de derrotar um inimigo que não entendemos, e Obama recusa-se a entender este inimigo."
Robert Spencer


"Obama:" Ainda não temos uma estratégia relativamente ao ISIS "
de Brett LoGiurato, Business Insider, 28 de Agosto de 2014:

     O Presidente dos EUA, Barack Obama, comentou o agravamento das crises mundiais na tarde de quinta-feira. Culpou a Rússia pela escalada da violência nas regiões orientais da Ucrânia e admitiu não ter uma estratégia para confrontar o grupo extremista auto denominado Estado Islâmico no Iraque e na Síria (também conhecido como ISIS ou ISIL).

     A sua declaração foi feita a partir da Casa Branca, a meio de um dia de significativa escalada na crise na Ucrânia, com o presidente da Ucrânia a acusar a Rússia de enviar tropas para a fronteira para lutar com os separatistas pró-russos em regiões do sudeste da Ucrânia. Obama disse que a violência em curso foi "encorajada" pela Rússia, que disse ter treinado separatistas armados nas áreas atingidas pela violência.

     "A Rússia é responsável pela violência no leste da Ucrânia", disse Obama. "Esta incursão russa sobre a Ucrânia vai trazer custos e consequências para a Rússia".

     Obama reunirá quinta-feira com os membros do seu Conselho de Segurança Nacional, assim como o vice-presidente Joe Biden. Questionado sobre a estratégia para enfrentar o grupo extremista ISIS no Iraque e na Síria, o inquilino da Casa Branca disse que novas decisões são esperados sobre como proceder, esta quinta-feira.

     "Eu não quero colocar a carroça na frente
dos bois", disse Obama, sobre os próximos passos no confronto com o grupo.

     "Nós não temos ainda uma estratégia
", disse ele ....

Ter estratégia, ele até é capaz de ter. E é capaz de ser a mesma que tem com o Hamas, a Irmandade Muçulmana e a Al-Qaeda: APOIO!

O Estado Islâmico já domina a maior parte dos territórios anteriormente conhecidos como Síria e Iraque, e avança diariamente. A Líbia já está parcialmente nas mãos dos bárbaros. Há canibalismo, crucificações, decapitações, gente enterrada e queimada viva por não ser muçulmana, ou ser e não agradar aos padrões do ISIS. Por todo o Mundo, os muçulmanos ditos «radicais» manifestam-se pelo Califado Global. E o terrorista/idiota (você decide qual dos dois ou quiçá ambos), «ainda não tem uma estratégia. Joga golfe...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.