sábado, 23 de agosto de 2014

Aish Tamid (Chama Eterna)


Matisyahu - Aish Tamid  

' Eis que ele chega suavemente do meio da escuridão
A brisa atravessa o mar e alevanta-se no Monte Sião
O vento assopra mais e mais, está de passagem
Cavalga p'la dureza da paisagem
Sopra e geme, descendo pelos montes
Mísseis rasgam os ares e explodem como fontes
Transbordam, jorram, pelos pátios de Jerusalém
 Destapando ruínas acordando os que caíram
Até Manhattan
 Rebrilha a menorah nas sombras da destruição
Marcando o caminho através da aflição
Varrendo  ramagens douradas
Ergue-se crepitante, a chama
Dança como um leão, alevantada do nada '

(Excerto; tradução livre)


Votos de paz para todos os nossos amigos e inimigos. Shabbat Shalom.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.