terça-feira, 20 de maio de 2014

Jornais turcos culpam os judeus pelo acidente

"A investigação ao acidente que vitimou 301 trabalhadores de uma mina de carvão em Soma, uma localidade na região ocidental da Turquia, já produziu resultados: 19 pessoas foram detidas para interrogatório, incluindo o administrador da empresa, o director de operações e o engenheiro-chefe daquela unidade de produção, avançam a Reuters e o jornal turco Hurryiet."
PÚBLICO

"Um jornal conhecido por apoiar o presidente turco Erdogan afirma que os judeus estão por trás do desastre que matou centenas de mineiros na semana passada.
O Yeni Akit, um jornal islamista, diz ter descoberto parentesco judaico em alguns funcionários da empresa que administra a mina.
 

O jornal explica que os nomes originais de alguns dos membros da família Asafra, que estão envolvidos na empresa, eram originalmente judeus, e que eles os mudaram para soarem mais turcos (por exemplo, Izak alterado para Izzet).

Algumas outras conexões igualmente ténues com os judeus são mencionadas, tais como relações comerciais entre os funcionários da empresa e judeus.

Nada disto faria manchetes, a menos que o editor assumisse, como assume, que a Turquia é um país anti-semita."
 in Elder of Zion

- Só inserimos esta notícia a título de ilustração do que é a paranóia, a insanidade, a irracionalidade, a monstruosidade, a aberração, do anti-semitismo. Isto, é apenas business as usual em qualquer país islâmico. Terramotos, maremotos,  lâmpadas fundidas, caspa, bicos de papagaio, são sempre culpa dos judeus. A Europa, vai pelo mesmo caminho.

1 comentário:

  1. "Só duas coisas são infinitas: o Universo e a estupidez humana. E não tenho a certeza quanto à primeira."
    Albert Einstein

    ResponderEliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.