domingo, 21 de setembro de 2014

Netanyahu agradece aos amigos de Israel





Benjamin Netanyahu, primeiro-ministro de Israel, apresenta uma breve mensagem de agradecimento a todos os que, pelo mundo, apoiam a única democracia do Médio Oriente - Israel. Temos pena de este excelente documentário não ser legendado em Português. Mas mesmo assim vale a pena vê-lo.

Israel é diariamente atacado por organizações terroristas e países islâmicos, visceralmente hostis aos judeus, por imposição religiosa. Israel é uma das mais antigas nações do Mundo, e de Israel veio o molde da civilização ocidental.  Israel é o povo nativo, já estava na SUA Terra MILÉNIOS antes das invasões muçulmanas e está lá ININTERRUPTAMENTE desde a origem dos tempos.

Hoje, Israel detém uma ínfima parcela da Sua Terra ancestral. Mas mesmo assim, os muçulmanos, os nazis e os comunistas de todo o Mundo, acham que os seus 20.770 km² devem ser anexados, e os seus habitantes mortos.

Este programa da SHALOMshow on TV apresenta também o depoimento do tenente-general Benny Gantz, o Chefe do Estado-Maior das Forças de Defesa de Israel.

Israel busca a paz, no meio de um Médio Oriente perpetuamente envolvido em guerras religiosas e disputas de poder. Infelizmente a maioria dos vizinhos de Israel recusa a paz ou o reconhecimento do direito de Israel a existir, independentemente de concessões feitas



O pequenino Estado Judaico (a azul, consegue vê-lo?), e, a encarnado, os seus vizinhos muçulmanos, que já o atacaram vezes sem conta, e as organizações terroristas mais activas na actualidade. O objectivo prioritário deste vasto continente medieval é a aniquilação de Israel. E depois, do Mundo.


O presidente Shimon Peres afirmou recentemente: 

"É-me difícil entender como é que por todo o mundo, nas ruas e praças, os manifestantes saem em apoio dos terroristas e condenam os que se limitam a defender-se. Eles erguem cartazes, estimulam e incitam a violência.

"É-me difícil entender como um conselho que tem as palavras 'direitos humanos' no seu nome, decidiu criar uma comissão para investigar quem tem razão. São assassinos aqueles que se recusam a ser assassinados?

"Se o direito à vida não é o primeiro dos direitos humanos, de que valem os outros?".


- Lembramos que, em Portugal, o direito de Israel à vida é contestado pela Esquerda. O Partido Socialista, o Bloco de Esquerda e o PCP, na Assembleia da República, tentaram fazer aprovar uma condenação contra Israel, por o país  se ter defendidos terroristas do Hamas. Nunca na História um país esteve tanto tempo debaixo de um bombardeamento até reagir:

Debate de emergência sobre Gaza cria novo Relatório Goldstone; Condena Israel por "graves violações de direitos humanos"

- Houve manifestações antissemitas em Lisboa, de apoio ao terrorismo do Hamas (que diariamente atacam crianças e mulheres em Israel) e  de glorificação do terrorismo.

A extrema-esquerda esteve representada ao mais alto nível (foi o Chico Louçã, como seria de esperar, e a esquerda dita moderada teria estado, se pudesse).

O blog Lisboa Jerusalém referiu o facto aqui. E as fotos dos terroristas e seus apoiantes podem ser vistas aqui. Entre outros idiotas úteis, houve um manuel que foi embrulhado na bandeira gay!!! Em Gaza seria imediatamente linchado.

A Imprensa dá combustível para a chama eterna do antissemitismo.

Terroristas, supremacistas islâmicos, comunistas e idiotas, à solta, em Lisboa:





Aconteça o que acontecer, nós estamos do lado da PAZ, da DEMOCRACIA  e da LIBERDADE. Nós somos contra o TERROR, a TIRANIA e a OPRESSÃO. 

E você?

5 comentários:

  1. http://www.dn.pt/politica/interior.aspx?content_id=4137312

    Site da Comunidade Islâmica atacado com mensagem radical:

    "Está na hora meus irmãos. Está na hora de demonstrar ao mundo a força do islamismo e de combater os infiéis! O plano está traçado e preparado. Iremos tomar conta de portugal e deste povo fraco e levaremos o nosso Islão ao mais elevado patamar do desejo do Senhor!"

    ResponderEliminar
  2. "Não temas, ó verme de Jacob, ó povozinho de Israel, pois Eu mesmo te ajudarei!" Isaías, 41:14

    ResponderEliminar
  3. Vida longa ao glorioso Estado de Israel

    ResponderEliminar
  4. Israel sempre! Depois de portugal seria o único país pelo qual pegaria em armas para defender

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Tibete também não se me dava. Aquela gente sofre que se farta.

      J.J.

      Eliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.