terça-feira, 7 de outubro de 2014

Israel atacado pelo Hezbollah

Israel foi atacado nesta Terça, dia 7 de Outubro de 2014 e por uma bomba de controlo à distância, na fronteira com o Líbano; dois soldados israelitas, que circulavam numa patrulha dentro de Israel, foram feridos com gravidade. O Hezbollah, essa ramificação do islão que deu origem a movimentos como o Hamas e o ISIS, já veio reconhecer a autoria desse acto. O silêncio do Al-PÚBLICO, e não só, acerca desse acto é total.
o que os "jornalistas" do Al-PÚBLICO têm diante dos olhos quando tratam assuntos que possam denegrir o islão
Mais uma vergonha para o jornalismo ocidental que, iludido de que será poupado no caso de uma mais do que provável tomada do poder no Ocidente pelos esbirros de Maomé (ao contrário deste corajoso sacerdote católico professor numa universidade pontifícia em Roma que diz que o ISIS é tão muçulmano quão Maomé), apenas está a contribuir para a sua sepultura. Tal como aconteceu com o trengo do soldadinho da paz britânico que acreditava que ia ser poupado à degolação apenas por ser amigo de muçulmanos (que, diz o Corão, não podem ser amigos de infiéis).

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.