domingo, 31 de maio de 2015

5.000 'imigrantes' em 24 horas

Geert Wilders: "5.000 imigrantes ao longo das últimas 24 horas. Devem ser todos enviados para casa ou em breve serão MILHÕES." 
31 de Maio de 2015


"Mais de 5.000 (imigrantes) foram resgatados no Mediterrâneo central desde sexta-feira, 29 de Maio", disse a Frontex em comunicado.
Durante as operações, os socorristas encontraram 17 corpos, disse a agência, confirmando os números anunciados anteriormente pela guarda costeira italiana. A operação, que começou sexta-feira, envolveu imigrantes que deixaram a Líbia em 25 barcos, de acordo com a agência, indicando que cinco outras operações de salvamento dos imigrantes estão em andamento. "Esta é a maior onda de imigrantes que vimos em 2015", disse o director da Frontex, Fabrice Leggeri.
45.000 imigrantes na Itália desde o início do ano
Barcos britânicos, malteses, belgas e italianos, bem como aeronaves islandesas e finlandesas foram requisitadas como parte desta operação.
Desde o início do ano, mais de 45.000 imigrantes ilegais desembarcaram na Itália, mas de acordo com a Organização Internacional para as Migrações, cerca de 1.770 homens, mulheres e crianças, morreram ou desapareceram ao tentar a travessia. [...]
Fontes

- É muito fácil ser "bonzinho" e clamar que os milhões de colonos muçulmanos devem vir para a Europa ser sustentados por nós, quando se desconhece a natureza problema:

A Invasão que eles escondem - 1

A Invasão que eles escondem - 2

A Invasão que eles escondem - 3

A Invasão que eles escondem - 4 

Não vão para o Qatar, para a Arábia Saudita, para nenhum desses países muçulmanos riquíssimos. Vêm para a Europa, vão para Israel, que é para onde o ISIS os manda.

"Imigrantes" chegados hoje a Itália.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.