terça-feira, 4 de novembro de 2014

Um manguito especial para a TEFAL


 A diplomata francesa Marion Castaing numa célebre agressão a um soldado israelita. Se tivesse atacado um soldado de qualquer outro país, teria sido presa. Se tivesse atacado um soldado de um país islâmico, teria sido morta.

TEFAL IGNORA ISRAEL
 
A TEFAL, fabricante de artigos de cozinha, vende para a "Palestina", não para Israel. Que é como quem diz: ignora a existência de Israel e, no seu site, substitui-o pela "Palestina", essa entidade terrorista (1) (2) nazi (3) (4), inventada pelos soviéticos nos anos 60 (já falámos bastante disso).

A seta a encarnado foi posta por nós para indicar a «Palestina»:



A TEFAL é propriedade do Groupe SEB, um consórcio francês, e mal consegue conter o seu entusiasmo com a desejada extinção do pequeno Estado Judaico. 

Quando o ISIS está às portas da Europa, quando milhares de cristãos e outros «infiéis» são diariamente chacinados e sujeitos a horrores na Síria e no Iraque, quando o terrorismo islâmico assola o mundo, a nova liderança da União Europeia faz do reconhecimento da «Palestina» a sua prioridade máxima (falaremos disso). E a TEFAL já bate palmas de antecipação.

Passou na TV francesa. Raqqa, na Siria, sob o domínio islâmico, é o novo chique para muitos europeus - e muitas europeias que aí acorrem, para viverem felizes, enroladas em panos pretos, a levar pancada do co-marido, nos intervalos das decapitações e dos mercados de escravas:


De acordo com o jornal Israel Hayom, o site da TEFAL não só omite Israel e substitui o país quadrimilenar pela "Palestina", nação inventada pelos soviéticos e popularizada pelo mega terrorista Arafat, como também, na lista de contactos para os clientes, lista "Palestina" em vez de Israel - apesar de o escritório estar situado numa área industrial em Jerusalém, conhecida pelo nome hebraico bíblico de Atarot.

A Newpan, importadora de produtos TEFAL com vários pontos de venda em Israel, ficou "muito surpreendida" com a substituição de Israel por "Palestina" no seu site, acrescentando que "o assunto será tratado com a maior brevidade possível".

Passou na TV francesa: os islamistas levaram as mulheres para lhes cortarem as mãos e as pernas. Cristãos, curdos e yazidis, são torturados e chacinados, na Síria, pelos islamistas. A TEFAL e a diplomacia europeia mal podem esperar para ver os israelitas levarem o mesmo tratamento:


E há toneladas mais, de reportagens que passam na TV francesa. Como por exemplo esta, escolhida ao acaso, da execução de 160 soldados sírios pelo ISIS. Nada disto preocupa a TEFAL e os seus compagnons de route.
Talvez a TEFAL esteja até interessada em vender no Califado. O consumo de carne de infiel, por lá, está em alta - como manda o Islão.

OS SABORES DE ISRAEL 


 Artigo da Saveur Magazine sobre Israel

Apesar das tentativas de TEFAL para ignorar Israel, e da diplomacia neo nazi da União Europeia, muitos gastrónomos experimentados têm Israel e a sua cozinha em alta conta. A.Saveur Magazine, uma revista americana de prestígio sobre comida gourmet e vinhos, recentemente classificou Tel Aviv com um "excelente" na categoria de Melhor Destino Gastronómico.  

Esta classificação põe a cosmopolita cidade israelita  na liga de Florença, Itália, e Lyon, França - duas cidades conhecida pelas suas delícias culinárias.


 Artigo da Saveur Magazine sobre Israel


 LIVRO DE RECEITAS


Veja o que cozinha israelita tem para oferecer: clique AQUI para sua cópia gratuita de "Receitas Judaicas de Israel". Divirta-se a cozinhá-las (de preferência em utensílios não TEFAL) e a saboreá-las. 

Para a TEFAL, pelo seu apoio aberto ao terrorismo, o nosso mais sincero manguito:



(1) Inventing the "Palestinian people" - https://www.youtube.com/watch?v=aYMviMHH0nc

(2) Phantom Nation: Inventing the "Palestinians" as the Obstacle to Peace - https://www.youtube.com/watch?v=SH0w7dUBfnE

(3) The Roots of Nazism in Radical Islam - PLO , Fatah , Hamas , Hezbollah & The Muslim Brotherhood - http://www.youtube.com/watch?v=B0SXaVKXPMA

(4) THE NAZIS AND THE PALESTINIAN MOVEMENT - http://www.youtube.com/watch?v=VjARZPAcATM

6 comentários:

  1. Olá! Você pode dar alguma indicação bibliográfica sobre a relação dos soviéticos com os "palestinos". Desde o Arafat eu desconfiava de alguma coisa, mas nunca tive certeza. Seu artigo não é o primeiro que eu leio que fala sobre essa relação incestuosa (URSS x "palestina"). Grato desde já!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aqui vai, amigo:


      Révélation : documents volés au Kremlin où comment les Russes ont décidé avec les arabes de détruire Israël
      http://www.europe-israel.org/2013/10/revelation-documents-voles-au-kremlin-ou-comment-les-russes-ont-decide-avec-les-arabes-de-detruire-israel/

      Inventing the "Palestinian people" - https://www.youtube.com/watch?v=aYMviMHH0nc
      Phantom Nation: Inventing the "Palestinians" as the Obstacle to Peace
      https://www.youtube.com/watch?v=SH0w7dUBfnE
      Les arabes sont les arabes. Les vrais palestiniens sont les juifs d’Israël. Mise au point sur la mythologie de l’arabe palestinien.
      http://www.europe-israel.org/2013/12/les-arabes-sont-les-arabes-les-vrais-palestiniens-sont-les-juifs-disrael-mise-au-point-sur-la-mythologie-de-larabe-palestinien/
      Comment et pourquoi le peuple palestinien fut inventé, par Guy Millière - See more at: http://www.upjf.org/fr/4449-comment-et-pourquoi-le-peuple-palestinien-fut-invente-par-guy-milliere.html#sthash.jKvazJVu.dpuf

      L’invention du « peuple palestinien » est un crime contre l’humanité
      http://eli-d-ashdod.over-blog.com/article-la-bombe-a-retardement-des-sovietiques-s-appelle-l-olp-109750624.html

      Eliminar
  2. Outro atropelamento em Jerusalém:

    http://www.jn.pt/PaginaInicial/Mundo/Interior.aspx?content_id=4221014&page=1

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grato pelo alerta. Já fiz post sobre esse trágico evento.

      J.J.

      Eliminar
  3. Estou a pensar renovar o trem de cozinha que já tem mais de 20 anos. A Tefal está de fora: não sabia do carácter Nazi desta empresa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma excelente decisão. Para mim, TEFAL também acabou. Tenho alergia a nazis e criminosos afins. Nem a comida me saberia bem.

      José de Jesus

      Eliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.