domingo, 13 de setembro de 2015

Shana Tova (Feliz Ano Novo)



 Judeus ucranianos festejam o Ano Novo judaico.

O Primeiro-Ministro de Israel deseja "Shana Tova (Feliz Ano Novo) a todos, da nossa capital eterna: Jerusalém".

Benjamin Netanhyau convida todos os Amigos de Israel a estarem unidos, "contra as caluniosas acusações contra o Estado Judaico, a única democracia do Médio Oriente".
 
O Primeiro-Ministro formulou os seus votos de "um futuro melhor - para o mundo, para o Médio Oriente, e para o único Estado Judaico do mundo". 




Os valentes jovens das Forças de Defesa de Israel/IDF arriscam as suas vidas todos os dias para  defender o povo e a Terra de Israel.

Apesar das dificuldades enfrentadas por estes jovens e bravos heróis, a sua disposição é optimista e os seus rostos brilham com felicidade e esperança num grande futuro. 

 


Aqui está um vídeo inspirador sobre o ano novo judaico, para incentivar ao desejo de auto-aperfeiçoamento. Rosh Hashana, o ano novo judaico, é um momento de introspecção séria para o povo judeu.  

Que o próximo ano seja de paz, sucesso e grande felicidade para todos.

 

Como celebrar o Ano Novo judaico:

Rosh Hashaná, conhecido como o Ano Novo judaico, marca o início do ciclo de feriados judaicos. É um momento de reflexão, caridade, e novos começos no calendário hebraico. Veja como celebrá-lo:

Passo 1: Prepare a sua agenda. Rosh Hashaná cai num dia diferente a cada ano, geralmente em Setembro. A celebração de 2 dias começa ao pôr do sol na noite antes do primeiro dia.

Passo 2: Comece o feriado com o
jantar de família  na primeira noite. A refeição pode incluir peixe, sopa de bolas de matzo, frango assado, tzimmes de cenoura, e romã. Cumprimente todos dizendo L'Shanah Tovah! que em hebraico significa "Para um bom ano!".

Passo 3: Recite as bênçãos. Acenda as velas e diga as bênçãos rituais sobre elas. Recite o kidush, ou bênção, sobre o vinho, e a bênção sobre o pão challah. Passe o challah para que todos partam um pedaço e mergulhem o pão e fatias de maçãs no mel, na esperança de que o novo ano seja doce.


A  forma circular do pão challah representa o ciclo do ano e da vida.


Passo 4: Vá ao templo. A maioria das sinagogas tem um programa de dia inteiro que inclui canções, orações, leituras, sermões e a história do sacrifício de Isaac na Torá.


Uma das mitzvot do feriado, ou mandamentos, é para ouvir o "chifre de carneiro ou shofar", que serve como uma chamada para analisar o seu comportamento.


Passo 5: Deite fora os seus pecados. Após os serviços, siga o rabino até um curso de água, para um ritual conhecido como Tashlich. Algumas cerimónias de Tashlich incluem pedaços de pão que se lançam na água para simbolizar o deixar ir os pecados.


Passo 6:
Reflicta sobre o ano passado e o ano que vem. Tire um tempo para lembrar os menos afortunados, e inclua doações de caridade nas suas celebrações de Rosh Hashanah. 


Na Bíblia, Rosh Hashaná é referido como Yom Ha-Zikkaron, dia de lembrança, ou Yom Teruah, dia de soprar o shofar.


Neste ano judaico que começa, ajude Israel, ajude a VERDADE e o BEM!

1 comentário:

  1. Vida longa a Israel. Vamos precisar de Israel para manter a liberdade na Europa

    ResponderEliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.