terça-feira, 26 de setembro de 2017

"Muçulmano simpático" assassina três israelitas em Har Adar

Or Arish, Solomon Gabrieh e Youssef Othman, assassinados hoje por um terrorista islâmico em Har Adar, Israel.

3 israelitas mortos e 1 ferido grave em Jerusalém


O homem que trabalhou em nossa casa durante 2 anos e meio era um terrorista
O residente de Har Adar, Michal Avidor, diz que Nimer Jamal, que matou três israelitas em Har Adar, parecia "completamente normal" e "simpático".
Times of Israel


Residentes de Har Adar, perto de Jerusalém, em 26 de Setembro de 2017, retratados depois de um terrorista palestino ter assassinado dois agentes de segurança e um polícia de fronteira e ferido gravemente outro homem. (Hadas Parush / FLASH90).
O "palestino" pai de quatro filhos que matou três israelitas em Har Adar na manhã desta terça-feira era um homem "completamente normal" e "simpático" que trabalhava em limpezas na povoação, disse um dos residentes logo após o tiroteio.

Em entrevista à rádio de Israel, Michal Avidor disse que "ia para a escola para dizer aos filhos que o homem que tinha trabalhado na nossa casa nos últimos dois anos e meio era o terrorista". O homem armado foi identificado como Nimer Jamal, 37 anos, da aldeia adjacente de Bayt Surik.


Nimr Mahmoud Ahmed Jamal, que realizou o ataque terrorista na povoação de Har Adar em 26 de Setembro de 2017 (Facebook).

Avidor disse que ficou surpreso quando percebeu quem era o terrorista. "Comecei a descobrir quando eles disseram que ele era um pai de quatro filhos e morador da aldeia próxima".

"Era um homem com quem costumávamos conversar", disse ele, "e a quem os meus filhos davam bebidas e comida". (...)

 -------------------------------



Visite a nossa secção:
E se quer ter a noção do terror islâmico diário, visite os sites de contra-jihad:

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.