sexta-feira, 15 de abril de 2016

Ucrânia nomeia Primeiro-Ministro judeu


Vlodymir Groysman

 
O conflito com a Rússia e a violência interna continuam a marcar a actualidade na Ucrânia. E os judeus têm sido, como sempre acontece em momentos de crise, alvo da frustração popular. A Ucrânia, no entanto, acaba de nomear um Primeiro-Ministro judeu.

Como muitos presidentes de municípios ucranianos, Vlodymir Groysman visita regularmente  a sinagoga local, nas festividades de Rosh Hashanah e Hanukkah.

Mas, ao contrário da maioria deles, Groysman, o ex-presidente do município de Vinnytsia, não o faz como um gesto político, mas como membro da comunidade judaica dessa cidade central da Ucrânia.

O Parlamento da Ucrânia confirmou ontem a nomeação de Groysman, numa tentativa de acabar com meses de impasse político e desbloquear ajuda vital para o país, dilacerado pela guerra.

O Parlamento aprovou, por 257 votos contra 50, a renúncia do Primeiro-Ministro Arseniy Yatsenyuk, e escolheu Groysman para o cargo, na primeira remodelação do gabinete desde a revolta pró-União Europeia de 2014.

É o primeiro judeu a deter o segundo cargo mais alto do país, e, aos 38 anos, o Primeiro-Ministro mais jovem de sempre.
 
Fonte: Jewish Times



'Se não há água na torneira, é porque os judeus a beberam’” - provérbio ucraniano.


- Esperemos que esta nomeação possa varrer alguns fantasmas, e que a lealdade de Vlodymir não seja questionada por causa da sua origem. Agora mesmo, na corrida eleitoral nos Estados Unidos, temos um candidato de origem cubana (Ted Cruz), outro de origem porto-riquenha (Marco Rubio), outro que é judeu (o lunático e antissemita envergonhado Bernie Sanders), e além do mais, toda a gente veio de algum lado - se traçarmos a árvore genealógica de Hillary Clinton ou de Donald Trump, vamos dar provavelmente aos colonizadores Britânicos. Agora mesmo, em Portugal, temos um Primeiro-Ministro de origem indiana.

A Ucrânia é um dos países europeus onde o antissemitismo é mais grave:

 
 


 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.