sábado, 28 de março de 2015

"Palestinianos" mataram mais na guerra Gaza-Israel

"Palestinianos" mataram mais na guerra Gaza-Israel ou mais silêncio do Al-Público
 
Após a nojenta campanha de desinformação acerca do que se passava em Gaza, agora que a Amnistia Internacional declarou que os "palestinos" cometeram mais crimes de guerra e mataram mais civis palestinianos do que a acção defensiva de Israel, o nojento Al-Público nem pia. Nem pia. Nem pia. O que esse pasquim faz não é jornalismo: é excrementologia que parece só poder ser financiada por quem não deseja que se conheça a verdade sobre o islão, nomeadamente um Qatar que é o maior financiador de mesquitas no mundo (já para não falar do jihadismo). A outra alternativa imaginável é que os financiadores desse "jornal" só saibam acerca do islão através das mentiras e lavagens ómicas que vêm nesse pasquim. 
 
a vergonha do "jornalismo" português

1 comentário:

  1. Curto e grosso. O Al-Público é de facto a maior vergonha do jornaleirismo português. A que diz que Islão significa «Paz» foi para Angola lavar o regime do Eduardo dos Santos com o mesmo OMO. As outras portadoras de burqa devem estar estalando pela Al Jazeera. Um nojo! Espero que cada vez mais gente acorde para realidade e boicote aquela folha de couve de Marraquexe.

    I.B.

    ResponderEliminar

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.