quarta-feira, 25 de março de 2015

Mais sucessos para Obama

Mais um dia, mais umas me(r)dalhas de desonra para Obama.
 
o sr. "buraco de burro" com mais uma dupla medalha para o insucesso das suas iniciativas
 
I) Há semanas Obama declarou a intervenção dos USA no Iémen um sucesso. Já nessa ocasião, as dores de cabeça nos minimamente inteligentes começaram a surgir.
 
Hoje está comprovado: os USA, e os poucos dos aliados que ainda os suportavam retiraram, a correr e como um cão com o rabo entre as pernasas suas forças militares especiais de um Iémen cada vez mais entregue nas mãos de umas milícias xiitas. Umas milícias que, tanto quanto se pode depreender, estão a ter sucesso após sucesso como contraponto os acordos que os USA desejam, avidamente, estabelecer com um Irão que, por seu lado, recusa assinar esses acordos, comprovando, mais uma vez, que é Israel que tem tido razão acerca desses supostos acordos (como, aliás, até diversos sauditas têm admitido). De sucesso a fracasso, com Obama é apenas um pequeno suspiro.

UPDATE 2: Até os por Obama avassalados sauditas estão furiosos com a inacção dos USA no Iémen. Esse Iémen destroçado acerca do qual a Casa Branca diz que a sua acção foi um sucesso.

 
Obama a fechar a boca para impedir as moscas de entrar,
pois o que elas buscam está sempre a sair pelas suas acções
 
 
II) Quando há meses Obama decretou a libertação de Bowe Bergdahl, que a sua conselheira para a segurança nacional disse que serviu os USA com honra e distinção, em troca de cinco inveterados comandantes terroristas talibans (um deles que viria a passar a ser um cabecilha do ISIS) detidos na prisão de luxo de Guantánamo (onde os guardas são diariamente chuveirados com detritos humanos), meio mundo estranhou imenso, mais ainda quando  Obama deixou o pai desse mesmo Bowe Bergdahl proferisse uma oração islâmica (que, na prática, reivindica esse espaço para o islão) nos jardins da Casa Branca (manifestando, Obama e por sinal, um incontido deleite facial ao ouvi-la).
 
Mas hoje está comprovado: Bowe Bergdahl, apesar do silêncio ensurdecedor da Casa Branca, foi acusado de traição e deserção. Obrigado Obama, por mais uma passo dado por si para a destruição do mundo livre.
 
UPDATE 1: In Context of Desertion Charges, Bergdahl Swap Was a ‘High Crime’. Mas haverá alguém que leve este facto até ao fim? Não cremos. Apesar de em Obama de "messiah" ("messias") só restar "mess" (trapalhada), a mediocracia protege os seus.
 
Obama a ameaçar todos aqueles que ousam denunciar
a verdade acerca da sua incompetência e/ou não lêem o Al-Público

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.