domingo, 8 de março de 2015

'Live long and prosper'


Há muitas coisas interessantes em Leonard Nimoy para além de Mr. Spock

Há cerca de uma semana falámos do recentemente falecido Leonard Nimoy, judeu, amigo de Israel, e artista multifacetado, para sempre conhecido como "Mr. Spock" - foi neste post. Escolhemos para ilustrar essa entrada a foto de Nimoy a segurar uma câmara fotográfica. Ontem, o programa Fotografia Total, da TVI24, escolheu a mesma foto e homenageou o trabalho de Nimoy. 

O projecto Projeto Shekhinah, um trabalho fotográfico sobre o aspecto feminino da presença de Deus, inspirado pela Kabbalah, a faceta mística do Judaísmo, é dos mais conhecidos. 

O site de Fotografia de Leonard Nimoy é este. E este é um fã-site muito completo.


À esquerda - Leonard Nimoy em criança, nos Estados Unidos, onde a família se refugiou da ditadura soviética.

Uma das curiosidades sobre Nimoy - agora revisitadas - é a origem da famosa saudação "vulcano". Para quem não conhece a série, a personagem Mr. Spock vinha do planeta Vulcano e saudava com os dedos em "V", separados dois para cada lado, dizendo "Vida longa e Próspera".

O actor introduziu a saudação em 1967, e explicou, em entrevistas e na sua auto-biografia - I am not Spock - a origem da mesma.


À direita - O jovem Nimoy com blusão de motociclista.

A origem da saudação está na Torah/Antigo Testamento, mais precisamente no Livro dos Números:

Números 6:24-26

24 "O Senhor te abençoe e te guarde;
25 o Senhor faça resplandecer
o seu rosto sobre ti
e te conceda graça;
26 o Senhor volte para ti o seu rosto
e te dê paz.

Nas celebrações judaicas tradicionais, este excerto das Escrituras é acompanhado da bênção dos sacerdotes ao povo. É assim há 3300 anos, desde Aarão, irmão de Moisés e primeiro Sumo-Sacerdote. A liturgia das Igreja Católica, Luterana e Anglicana também inclui a bênção dada pelo sacerdote (padre, bispo ou equivalente) à congregação, com as mãos, no final da celebração.

Levítico 9:22 - Depois Aarão, levantando as mãos para o povo, o abençoou... 

No âmbito religioso a bênção é dada com as duas mãos. No âmbito "vulcano", só com uma, como sabemos...

As mãos do sacerdote representam a letra hebraica, Shin (ש), que remete para El Shaddai (Deus Todo-Poderoso), para Shekinah (presença Divina) e para Shalom (que todos sabem que significa Paz).

À esquerda - Leonard com a Esposa Sandra Zober e os filhos Adam e Julie.

Não é suposto durante a bênção os sacerdotes olharem para a congregação. E vice-versa. As razões teológicas para tal determinação escapam ao foco deste artigo. Uma delas é que durante o momento solene todos devem evitar distracções. O que é certo é que o pequeno Leonard espreitou, gostou do gesto e mais tarde adaptou-o.


À direita - O gesto ritual que inspirou Mr. Spock; e a saudação feita pelo astronauta da NASA, Terry W. Virts, em homenagem a Nimoy. A cidade natal do actor está entre os dedos do astronauta.    Em baixo - O actor explica a origem da saudação:


 

Uma vida longa e próspera (sobretudo espiritualmente) é o que desejamos aos nossos amigos e aos nossos inimigos.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.