sexta-feira, 20 de abril de 2018

Gleisi Hoffmann apela à jihad no Brasil para libertar Lula


É impressionante o esforço que os media tradicionais e o Foicebook estão  a  fazer para ocultar a verdade: a senadora brasileira Gleisi Hoffmann apelou ao mundo islâmico para intervir no Brasil para libertar Lula da Silva.
Está aqui, em vídeo, a prova de que ela o fez (com uma brincadeirinha do editor do vídeo, no final):

O senador Magno Malta explica que o que esta senhora fez é crime:


A extrema-esquerda continua de mãos dadas com o chamado islamismo radical, que mais não é do que o Islão puro e duro (não apenas no Brasil, lembramos que o último acto oficial do comunista e muçulmano Obama foi transferir mais uns milhões para o terrorismo anti-Israel).


A EXTREMA-ESQUERDA APOIA O TERRORISMO ISLÂMICO

 

A extrema-esquerda e o Islão têm em comum o ódio à Civilização Ocidental e judaico-cristã. A História de ambas as ideologias é de ódio e extermínio. Vale tudo, para estas duas formas de fanatismo religioso.
Israel e Jerusalém são o símbolo maior do lado espiritual da nossa Civilização, e por isso tanto a extrema-esquerda como o Islão odeiam Israel:


Sem comentários:

Enviar um comentário

Os comentários estão desactivados pois o blogue está inactivo. As nossas desculpas por qualquer incómodo.

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.