terça-feira, 8 de março de 2016

Crónica de EJ Santos no Dia da Mulher

Um dos vídeos ainda não apagados do festim de estupro islâmico nas festividades da Passagem de Ano. As feministas estão bastante confortáveis com isto. 

Tenho, na minha lista de amigos do Facebook, algumas pessoas que julgava serem inteligentes. Sendo estas pessoas de esquerda, valorizava as suas opiniões, para poder ter perspectivas diferentes, das que usualmente tenho à disposição. Porém, as coisas mudaram. 
Com esta onda de alegada imigração, com a entrada de hordas de muçulmanos na Europa, descobri nestas pessoas, que reputava de sensatas, um fanatismo assustador. 
Estas pessoas sempre que ouviam falar em Cristianismo ou na Igreja Católica, tinham autênticos ataques de raiva. Curiosamente, se se trata da religião da "paz", essas pessoas são incapazes de proferir uma única critica. Ou se o fazem, só o fazem depois de eu criticar ou chamar a atenção para as suas incoerências. 
Entretanto, algumas destas pessoas tiveram uma reação interessante, aquando das agressões durante a passagem de ano, em Colónia. Vieram logo dizer que eram invenções da extrema-direita. Embora se viesse a confirmar que os agressores eram, de facto, muçulmanos. 
Mais tarde apareceu nos jornais a noticia a "informar " que a policia alemã identificou mais ou menos uns 80 - 90 dos agressores, e que só um era refugiado. Um simpático senhor da esquerda mais extrema que existe veio logo colocar o registo o Facebook. Curiosamente, esqueceu-se de mencionar que a "notícia" referia que os agressores eram, de facto, muçulmanos. E posso dizer que contactei amigos a viver na Alemanha, França, Holanda e República Checa e todos me confirmaram que as agressões foram cometidas por muçulmanos, sendo muitos deles "refugiados". 
Outro post que vi, do mesmo senhor da esquerda mais extrema que existe, foi ainda melhor. A notícia de uma igreja na Áustria a ser limpa de adornos cristãos, para os muçulmanos usarem esse templo. O dito senhor comentou que, apesar de ser ateu, que não se opõe a estas situações e a esta mudança de cultura e que até via com bons olhos. 

Ora, não reputo o tal senhor de imbecil ou ingénuo. Também não me parece ser um crápula. Porém, inteligente não pode ser (Ateu? E acha bem que malta fanática religiosa se instale na Europa? Mas ele não sabe o que os fundamentalistas fazem aos ateus?!). Por isso perguntei-me: mas este bom senhor, de esquerda radical, ateu e que apoia a entrada de teocratas na Europa, é o quê? Cheguei a uma conclusão: só pode ser um louco. 
Tenham cuidado. O inimigo existe e tem nome (fundamentalismo islâmico, Al-Qaeda, ISIS, Irmandade Muçulmana, Hezbollah, etc), mas os piores inimigos são de cá. Gente louca, que defende o indefensável e não mede plenamente as consequências daquilo que quer para a Europa.
EJ Santos
  
IDIOTAS OFERECEM FLORES AOS ESTUPRADORES MUÇULMANOS:



 (RE)VEJA: 

EJSantos comenta a Jihad Sexual da Passagem de Ano 

Feministas pedem: “Não nos protejam dos estupradores islâmicos!”

Imã de Jerusalém apela à jihad sexual na Europa

Os Estupros de Ano Novo e a Lógica Islâmica

Os estupradores islâmicos apenas cumprem o Islão


FEMINISTAS AMAM MUÇULMANOS!



Na Passagem de Ano, os "refugiados" encontraram-se no meio de um mar de mulheres "infiéis", na rua, à noite, e, como na sua cultura as não muçulmanas só servem para escravas sexuais*, toca a estuprar!
* - "QUANDO QUERO UMA ESCRAVA SEXUAL, VOU AO MERCADO E COMPRO-A" 
O Bloco de Esquerda e toda essa gente que quer criminalizar o piropo e cenas bué maradas, tás a ver, nunca lhes ouvimos o mínimo protesto contra o tratamento das mulheres no Islão!

Exemplos de "Direitos" das Mulheres sob o Islão

Sociedades islâmicas têm maior índice de estupros do mundo!
Nem mesmo se vestindo-se de sacos as mulheres estão a salvo no mundo islâmicoLeia o artigo todo aqui.
ISTO SE CALHAR É UM BOCADINHO PIOR QUE PIROPOS, Ó CAMARADAS BLOQUISTAS...

Uma mulher é executada por autoridades religiosas, à luz do dia, num desses paraísos islâmicos que as feministas anti-piropo ocidentais tanto louvam (Pois se lá as mulheres até podem usar calças jeans por debaixo das burqas!!! Aquilo é uma MARAVILHA!!!). A Polícia assiste, é o trivialzinho. No Islão, o testemunho das mulheres de pouco ou nada vale. Acusação = decapitação. E siga o Islão!

CUIDADO, QUE O VÍDEO É MUITO CHOCANTE:




P.S. - Naturalmente, que NÓS é que somos "violentos", por mostrarmos a realidade do Islão!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.