domingo, 14 de junho de 2015

Que venha o Terceiro Templo!



Já falámos um pouco da História dos Templos de Israel, um assunto que tanta gente aprendeu na Catequese católica, mas de que na vida adulta já não se lembra. Para nós, aqui em Portugal, é uma coisa antiga, mas para os judeus em Israel é um assunto na ordem do dia. Se em Portugal, visualizamos a História do nosso país a partir de 1143, os judeus em Israel remontam a Abraão, Isaac e Jacob. Para eles, a fuga do Egipto, o cativeiro na Babilónia e a Diáspora pós invasão Romana, são acontecimentos com uma influência directa na vida do Israel de hoje. Portugal vai a caminho de mil anos de existência (e somos das nações mais antigas). Israel conta uns quantos milénios mais...

O Segundo Templo foi destruído no ano 70 da nossa Era, pelos Romanos, que aproveitaram para expulsar grande número de judeus, que se espalharam pelo Mundo inteiro, muitos aqui por Portugal. As profecias bíblicas foram cumpridas, Israel restaurou a sua independência, e grande parte dos judeus voltou a Israel. Faltam cumprir-se outras profecias, como a reconstrução do Templo.

Os obstáculos são mais do que muitos. O mundo islâmico continua a exigir a extinção de Israel e o extermínio dos judeus, como sempre exigiu. O Mundo contesta o direito de Israel construir casas de habitação, quanto mas o Terceiro Templo! O antissemitismo ressurge, revisto e aumentado, escassos 70 anos após o extermínio em massa levado a cabo pelos nazis e pelos comunistas.

Nada de novo.  As Trevas sempre combateram a Luz. Os nossos votos são de que o Terceiro Templo marque uma Era de Paz e Tranquilidade para Israel e para toda a Humanidade, conforme rezam as profecias. Que as Trevas dêem finalmente lugar à Luz.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.