sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Palestinianistas do BDS investem no Banco "Sionista" Rothschild

Mais dois destacados líderes do movimento pró-terrorista, islamista e neonazi BDS (que pretende a erradicação de Israel e dos judeus).
Mais dois "pobres" comunistas milionários.
Mais dois HIPÓCRITAS.


O casal Jocelyne Shashahani aliás Olivia Zemor, e Nicolas Shashahani.
 

Os líderes do movimento anti-semita Europalestine são ricos, muito ricos. De onde provirão por exemplo os 3 milhões de euros da senhora Olivia Zemor, a presidente, e do seu marido Nicolas Shashahani, atendendo a que se trata de uma simples sindicalista?...  E quantas mais outras contas e activos terão eles?

Não são necessárias apresentações para a porta-voz do Europalestine, a nossa tão dedicada à causa Jocelyne Shashahani aliás Olivia Zemor, e o seu terno companheiro, Nicolas Shashahani.

"BOICOTE O SIONISTA CARREFOUR ... BOICOTE O SIONISTA ORANGE ...".

Enquanto se gritam os habituais slogans... as contas bancárias são geridas, a liquidez é investida, e, como qualquer bom capitalista, ESPECULA-SE.

Dir-nos-ão: Para investir ou especular, é preciso dinheiro. E para bem gerir e bem investir, é preciso aconselhamento especializado. Assim, é fácil de descobrir que as Jeannes e os Serges da causa palestina têm contas no banco Rothschild, o banco "sionista" - pelo qual eles, aliás, não escondem o seu ódio.

Nesta conta de mais de 3 milhões de euros o casal teve o cuidado de investir num bouqet de ações de empresas que pretende boicotar porque comercializam produtos israelitas.

Duas questões se põem:
- De onde vieram estes 3 milhões de euros destes dois militantes do movimento anti-semita BDS?
- Porque é que eles fazem render esse dinheiro em instituições que tanto criticam, e às escondidas dos seus camaradas?
 
Parece que para estes dois, como para o terrorista Mahmoud Abbas - seu mentor - o dinheiro afinal tem um cheiro: o da má-fé.

Para os que queiram verificar em pormenor, está AQUI o arquivo completo.

Para os que creiam na nossa palavra, a
qui está o total de activos do casal depositado no Banco "sionista" Rothschild:


- Este texto foi traduzido e condensado do site EUROPE-ISRAEL.  Um excelente site que recomendamos vivamente.


As elites terroristas desfrutam de vida regalada. Hotéis de 5 estrelas, restaurantes de luxo, jactos particulares, tudo do bom e do melhor, que pode ser visto em artigos como ESTE.
Aqui no nosso blog aconselhamos por exemplo estes posts:



  
O Mundo Livre envia milhões para o mega-terrorista Mahmoud Abbas, líder da organização terrorista Fatah e presidente da Autoridade "Palestina". Abbas gasta tudo em terrorismo contra Israel e em vida faustosa. Vai construir mais um palácio, em Surda, Ramallah, com uma área total de 27,000m2 e o módico custo de 13 milhões de dólares. Não é notícia.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.