sexta-feira, 19 de maio de 2017

VÍDEO: Terroristas do ISIS e do Hezbollah na fronteira de Israel

O capitão Roy Neubauer, responsável pelas tropas das Forças de Defesa de Israel que patrulham a fronteira norte de Israel, explica por que não dorme à noite:



Via World Israel News

 4, É certo que não dormita, nem dorme o guardião de Israel. 
Salmos 121

Na fronteira sul de Israel, vindos da Península do Sinai (que Israel deu ao Egipto, em troca de paz) os ataques do ISIS já começaram, como temos noticiado.   
As Forças de Defesa de Israel têm estado à altura, graças a Deus.
O Nazismo ressurgido, aliado à nova Esquerda anti-semita e ao Islamismo (presentemente em modo de ataque final ao Mundo Livre), aplaudem. 
E, enquanto formulam votos de que o ISIS destrua Israel, os mesmíssimos nazis, esquerdistas e muçulmanos, dizem que o ISIS foi formado e é constituído pelos Israelitas. Mentes doentes, gente bárbara, gente má, muito má...
Continuamente, nazis, comunistas e muçulmanos manifestam o seu azedume por Israel ser o "Povo Escolhido por Deus". O que é estranho, porque os comunistas e a sua sub-categoria dos nazis não acreditam em Deus. E o os muçulmanos acreditam em Alá.
Na verdade, os judeus foram "escolhidos por Deus" para serem os primeiros divulgadores do monoteísmo; e não para serem ou por serem "melhores que os outros". O Judaísmo não é chauvinista ou racista, ao contrário de tantas outras ideologias. Mas quem odeia não se rala com a mentira e a difamação. Usa-as.
E é isso que, no fundo, incomoda os três grupos supracitados.  Os judeus são a lembrança viva do que mais os incomoda: Deus existe, Deus é justo, premeia os bons e castiga os maus, e todos somos iguais perante Deus.

ISRAEL, PRIMEIRO ESTADO-NAÇÃO INDÍGENA MODERNO

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.