sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Nigeriano enriquece culturalmente jovem italiana (em 18 partes)

ITÁLIA: selvagem nigeriano (muçulmano?) acusado de matar e desmembrar uma menina italiana de 18 anos e colocar as partes do corpo em malas
As autoridades italianas prenderam e acusaram um invasor nigeriano (muçulmano?) do assassinato e desmembramento de uma italiana de 18 anos, Pamela Mastropietro (abaixo).


Punchng - Oseghale alegadamente assassinou e desmembrou Pamela Mastropietro, escondeu o corpo em duas malas antes de despejá-las num campo em Pollenza, perto de Macerata. 
Segundo os relatos, Oseghale, 29, parecia "confuso e não muito claro" durante o interrogatório em que negou as acusações, na quinta-feira. Mas foi suficientemente claro para negar as acusações e tentou acusar outras duas pessoas que a Polícia ilibou. "Eu não a matei", teria informado a Polícia repetidamente. 
Oseghale é considerado um requerente de asilo com uma autorização de residência, que expirou no ano passado. Ele é casado e tem uma filha. No entanto, permanece sozinho num apartamento, não alugado em seu nome. A Polícia, depois de procurar no seu apartamento, encontrou 70 gramas de haxixe, mas não heroína. 
A Polícia forense de Carabinieri encontrou roupas manchadas de sangue pertencentes à vítima e outros vestígios de sangue na casa do suspeito. Também encontrou um recibo de uma farmácia próxima onde a vítima tinha comprado uma seringa, segundo um relatório. 
Oseghale (abaixo) tem um registo de delitos de drogas, disse a Polícia. Ele foi preso graças às imagens de CCTV da área onde as malas foram despejadas, e por um estrangeiro que disse que o viu a levar as malas até lá.


- Via Bare Naked Islam, um site fundamental.

...............................................................

COMENTÁRIO
Como a Itália está a beneficiar do enriquecimento cultural, hein!!!  
Itália: "Migrante" tenta estuprar mulher prestes a dar à luz
Para a mentalidade vigente, dar notícias destas é "provocar o ódio", até porque se trata de um "caso isolado" e "não são apenas os migrantes que cometem crimes". Para as vítimas não há um pingo de compaixão.
Mas não é assim. Este é apenas mais um caso da onda de estupros e assassinatos de mulheres e crianças na Europa, cometidos pelos supostos "migrantes", pessoas vindas de uma cultura medieval supremacista e bárbara: o Islão. 
Os maometanos apenas valorizam a força bruta. Interpretam o nosso acolhimento como medo e fraqueza, e fazem o que a sua religião ordena: dispõem das vidas e das propriedades dos infiéis.


O Islão ordena aos seus seguidores que escravizem sexualmente as mulheres e crianças "infiéis":

"Quando eu quero uma escrava sexual, vou ao mercado e compro-a!"

E escravo, no Islão, é tão descartável como  um objecto. Sobretudo se for mulher.

4 comentários:

  1. Enquanto o pacato povo europeu se curvar a essas políticas doentias da esquerda, infelizmente muito sangue inocente será derramado por essa bestas bárbaras islâmicas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A elite parece querer desencadear uma guerra civil na Europa. Na Alemanha (principal impulsionador da substituição populacional), os cidadãos que falem contra são "engavetados", há patrulhas-sharia islâmicas pelas ruas e há pessoas obrigadas a ceder a casa aos colonos. Quando a população se chatear a sério, as elites terão o pretexto que aguardam para impor a lei marcial. Estamos entre a espada e a parede. Israel avisa desde há anos acerca da infiltração de terroristas que se fazem passar por "refugiados", mas Israel tem o mesmo problema: uma população hostil de supostos refugiados de que não consegue ver-se livre, por pressão da comunidade internacional.

      OdF

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Nem era preciso tanto. As Cruzadas serviram para libertar Jerusalém dos maometanos, que assim que se apossaram da cidade desataram a matar cristãos e judeus e impossibilitaram a entrada de peregrinos. Além de que os assaltavam, pilhavam a matavam a caminho da Terra Santa. Hoje Israel está de novo sob soberania do seu povo nativo. Bastaria à Europa não estar a importar maometanos.

      OdF

      Eliminar

Os comentários estão desactivados. As nossas desculpas.

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.