domingo, 6 de agosto de 2017

Alemães mais preocupados com o clima do que com o terrorismo



Uma nova sondagem, antes das eleições nacionais em Setembro, mostra que os alemães estão mais preocupados com o futuro estado do meio ambiente do que com temas mais importantes como o terrorismo ou a crise dos refugiados.

    
A sondagem divulgada na terça-feira pelo grupo Kantar Emnid Institute em nome do grupo editorial Funke Mediengruppe, revelou que 71% dos entrevistados disseram que estavam mais preocupados com as mudanças climáticas. Essa preocupação está acima da possibilidade de novas guerras, listada em 65 por cento dos participantes da sondagem, e também acima dos ataques terroristas, listados em 63 por cento.

    
O crime foi notado como uma preocupação por 62 por cento dos 1.000 participantes inquiridos que foram capazes de listar mais de um medo.

    
Menos da metade dos entrevistados (45 por cento) disseram que estavam preocupados com a imigração de refugiados para o país, enquanto a menor preocupação era o desemprego (33 por cento) ....



O "Homem-Novo": o cidadão europeu-modelo!


    O facto de que a maioria dos entrevistados mostrou preocupação com questões de segurança como guerras, crimes e ataques terroristas, pode ter implicações em como as pessoas irão votar em Setembro, acrescentou Schneider-Haase.

    "Os tópicos de segurança desempenham um papel importante. Isso diz respeito à segurança externa, interna e social ", disse Schneider-Haase.
    O analista também observou que, porque a união dos partidos conservadores CDU e CSU é considerada competente na área de segurança, isso torna-a "bem posicionada" para as eleições do Parlamento alemão (Bundestag) em 24 de Setembro. Por conseguinte, a própria Merkel tem uma vantagem sobre o seu desafiador mais sério, o líder do SPD de centro-esquerda Martin Schulz ....




-----------------------


A lavagem cerebral de massas faz maravilhas. O ambiente é importantíssimo, mas, se a comunidade científica não está certa acerca da influência humana no aquecimento global, a  invasão islâmica, o terrorismo subjacente e a guerra de civilizações que a colonização islâmica acarretará, deveriam ser prioritários.


Mas... assim vai a Alemanha:

Sem comentários:

Enviar um comentário

Seja bem-vindo a esta caixa de comentários quem vier por bem.