quinta-feira, 31 de maio de 2018

Obrigado a todos e até à vista!


Fazemos hoje 5 anos e meio. Por motivos pessoais vou fazer uma pausa (ou abandonar definitivamente este posto, ainda não sei). Não posso deixar de agradecer a todos os muitos amigos que exprimiram simpatia, partilharem conteúdos e colaboraram comigo.
Nestes poucos anos experimentei o que os judeus experimentam há milénios. Não vos conto muito, porque não vale a pena.
Por defender Israel, perdi todos os meus amigos - e dou muitas graças a Deus por isso, até porque arranjei outros bem melhores, não anti-semitas. Fui acusado de ser pago pelos lagartos espaciais zionistas e de ser um agente da Mossad (bem me pus a jeito, mas nem Mossad, nem "zionistas", nem família Rotschild, ninguém me deu um tostão).
A sério, amigos: há pessoas tão mesquinhas, que não conseguem conceber que alguém lute pela Verdade apenas pela Verdade, sem esperar lucros ou recompensas. E se diz bem de Israel, é porque está "vendido aos judeus", e mais uma clássica acusação coprofágica que me abstenho de repetir aqui e que parou assim que acabaram os comentários anónimos.
Algumas ameaças de morte, insultos para todos os gostos, ódio e perdigotos na cara, declarações tão abjectas que surpreendem até alguém que já não alimentava ilusões sobre a Humanidade, a confirmação de constar de certas listas sinistras, e tudo isto apenas aumentou a minha determinação em defender a Verdade.
Mais digo, que não fora o respeito que me merecem todas as religiões do Bem, e converter-me-ia ao Judaísmo, especialmente para chatear os anti-semitas, andando pelas ruas de kipá e tzitzit (o "chapelinho", e os "cordõezinhos" que os judeus ortodoxos usam à cintura).
Fui "acusado" de ser judeu. Acusação tremenda, está bom de ver! Se você disser que a água é formada por oxigénio e hidrogénio, as pessoas acreditam. Mas se você  for judeu e disser o mesmo, de certeza que é mentira.
Mas os aspectos positivos excederam largamente as reacções típicas de algumas bestas, perfeitamente espectáveis num blogue não politicamente correcto.
Há 5 mil anos, Deus fez um pacto com Abraão. Não sei se você acredita. Eu acredito. E os judeus observantes, os cristãos, e até os maometanos, acreditam também. Abraão aceitou empunhar o facho do monoteísmo e passá-lo aos seus descendentes.
Os descendentes de Abraão, não sendo "melhores" do que as outras pessoas, pois são seres humanos como os outros, têm sofrido a perseguição implacável, que corresponde à responsabilidade assumida. O direito à indiferença não lhes tocou ainda. Quanto mais esforços fazem para se apagarem como judeus, maior é a perseguição - veja-se o caso do Holocausto.



"Se sofrem tanto, se são tão perseguidos, algum mal fizeram..." - eis um dos mais belos e inteligentes raciocínios anti-semitas.
É exactamente o argumento que justifica o bullying sobre certos miúdos: eles são irritantes. Porquê? Porque existem!
"Ó senhor Juiz, eu assaltei aquela velhinha porque toda a gente a assalta!".
 "Então está inocente, bom homem! Vá em paz!".
Não é apenas inveja. É  mais profundo que isso. É  um traço inconfundível e determinante da natureza cruel e mesquinha dos arquétipos de Amaleque e Edom.

"Algum mal fizeram":

Nos nossos dias cumpriram-se as profecias, e os Filhos de Israel reconquistaram a soberania da sua Terra. E não voltarão a perdê-la.
É o Criador que o diz, não sou eu.
O vermezinho de Jacob persiste. TODOS os que os tentaram extinguir jazem no pó. E os que aí vêm também cairão.
É esse o destino de todos os que combatem contra Israel. 


“Eu farei de ti uma grande nação; abençoar-te-ei, e engrandecerei o teu nome; e tu, sê uma bênção. Abençoarei aos que te abençoarem, e amaldiçoarei àquele que te amaldiçoar; e em ti serão benditas todas as famílias da terra”

GÉNESIS 12:2-3.

Não gosta? Fale com o Deus de Israel, não fuzile o mensageiro. Nem culpe os judeus, coitados, que eles já nascem com esta sina. Se sente inveja deles por serem o "Povo Escolhido" (escolhido para uma carga de trabalhos, entenda-se), é facílimo: junte-se a eles, passe a ser um judeu e desfrute das mordomias!
De uma coisa pode estar certo - quanto maior for o seu ódio a Israel, e mais ferozes forem os seus ataques, maior será a sua queda! O Deus de Israel pode parecer um bocadinho austero, mas assim como assim, é o Único...


Lamento que os islamistas e comunistas do YouTube estejam sempre a retirar os vídeos. Tento repô-los, mas eles são um exército pago para censurar, e nós, a Resistência ao Islão e ao Comunismo, somos voluntários.
Não sei se os meus companheiros de blogue irão prosseguir - recomendo-os!
E re-recomendo os sites que estão na barra lateral.
Não se esqueça do nosso arquivo em construção:




Alguns destaques:






E outros canais do Youtube:



Este site foca os mesmos assuntos que nós e ainda mais, e merece muito mais visitas.

https://unitedwithisrael.org/es/

UNIDOS COM ISRAEL (em Espanhol)

A nossa fonte por excelência. Vale a pena visitá-lo todos os dias.


https://worldisraelnews.com/



PALESTINA LIVRE

Os terroristas islâmicos expostos. Vídeos traduzidos, retirados e repostos pelo teimoso autor!



Em matéria de contra-jihad, estes são os nosso preferidos, sem termos nada contra outros, que nem conhecemos, pois não temos tempo para tudo:



INSTITUTO MISES

Ludwig von Mises (que por acaso era judeu) foi chamado o Grande Cavaleiro do Liberalismo. Este site é precioso para a desprogramação do Marxismo que nos é imposto - na Constituição, nos media, na cultura popular e nos programas escolares.


Judaísmo

20 comentários:

  1. Você contribuiu para a informação real sobre Israel aqui no Brasil. Seu legado vai ter frutos sim, fique certo disso. Descanse o tanto que precisas e como se diz aqui no Brasil: VOCÊ É FODA!

    Israel Prevalece

    Olívia Weiss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Olívia!

      O Brasil foi o país que mais visitou aqui o blogue.

      Estou-vos tão grato...

      O brasileiro é amigo, é despreconceituoso. E é humilde. Não tem vergonha de rever as suas ideias e de admitir que está errado, quando está. Nós, portugueses, somos bem diferentes. Tenho aprendido convosco a ser menos orgulhoso também.

      Aquele abraço,

      Oliveira

      Eliminar
    2. Obrigada por nos mostrar a realidade e nos fazer amar Israel.Deus o abençoe.

      Eliminar
    3. Obrigado, Aninha! Deus a abençoe também.

      OdF

      Eliminar
  2. A blogosfera ficou mais pobre. Mas a avaliar pela mais recente iniciativa legislativa da Comissão Europeia, toda a blogosfera terá os dias contados...

    Obrigado a todos no AdI por nos terem providenciado uma narrativa contrária àquela que foi instituída no Ocidente! Apenas o tempo dirá quem triunfará no final, mas se houvesse mais Amigos de Israel na internet dificilmente teríamos chegado onde chegámos em matéria de islamização!

    Bem-hajam todos! As maiores felicidades, para vocês e para Israel!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado, caro Afonso.

      A Internet está a permitir resgatar das trevas milhões de pessoas. Por isso, o Sistema está em pânico.

      A 'troupe' ordinária dos jornalistas está a ser desacreditada todos os dias. Os doutrinadores do Marxismo cultural já têm quem lhes faça frente (até adolescentes os conseguem confrontar). Por isso, está aberta a guerra à Internet.

      Não sei se voltaremos às tipografias clandestinas, aos pombos-correio, aos grupos de resistentes refugiados nas montanhas, mas o cerco aperta-se. A prisão de Tommy Robinson foi um claro aviso de que a partir de agora qualquer um pode ter o mesmo destino.

      Meteram-no numa cela com maometanos jihadistas, na esperança de que o matem. O Príncipe Carlos é um maometano que já pouco esforço faz para disfarçar. A Merkel quer reeditar aliança nazi-islamista. Este Papa é "Defensor do Islão"- oficialmente! O PALHAÇO do Guterres está a jejuar neste Ramadão, "em solidariedade com os maometanos, vítimas de 'islamofobia'".

      E até o PALHAÇO do Professor Martelo se desunha todo para islamizar Portugal.

      Chegam sinais de esperança agora de Itália, onde o novo governo pôs um ponto final na entrada de colonos maometanos. Pode ser que se evite a guerra civil...

      OdF

      Eliminar
  3. Poxa, não vá de vez pois se for, fará muita falta. Seu blog é maravilhoso informativo demais, aqui aprendi tanto. Quero lhe agradecer por dividir tanto conosco nesses 5 anos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grato. Qualquer dia posso estar de volta, e os meus companheiros de blog talvez entretanto voltem a estar disponíveis.

      Abraço,

      OdF

      Eliminar
  4. Obrigado por todo . Fez parte de meu cotidiano e sempre esse blog fará. A luta não pode parar.É O DESCANSO MERECIDO DO GUERREIRO.
    Até a vista

    ResponderEliminar
  5. Iehouah Elohim te abençoe para sempre estimado Oliveira da Figueira.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, amigo. farei por merecer essa bênção.

      Eliminar
  6. Parabéns por sua luta que ficará marcada na História pelas pessoas de bem.
    A Verdade triunfará graças a pessoas como você.
    Adeus não, apenas até logo !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Peter. É um até logo, sem dúvida.

      OdF

      Eliminar
  7. Tenho pena que este blogue acabe, tanto mais que se trata de um dos poucos blogues que diz a verdade acerca da "religião da paz" do maome(rdas). Um grande abraço, e continue a ser o grande Homem que é.

    Bem haja

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Paulo. Neste Ramadão, já vamos em 111 ataques, 439 mortos, em 21 dias. A TV e os jornais escondem tudo. Em Moçambique mais um massacre com crianças decapitadas. No Ramadão matar infiéis dá mais pontos. E o merdas do Guterres a fazer jejum de Ramadão. E o palhaço do Marcelo a pedir mais colonos maomerdanos. Estamos a ser todos endrominados.

      OdF

      Eliminar
  8. Obrigado. Boa pausa!

    Tem email para deixar-lhe uma ou outra pergunta?

    ResponderEliminar

Os comentários estão desactivados pois o blogue está inactivo. As nossas desculpas por qualquer incómodo.

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.